A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

15/04/2015 20:46

Vereadores fazem sabatina em secretários e criticam ausência de Olarte

Daniel Machado e Alan Diógenes

Após entregarem na Câmara Municipal a LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) para 2016, o secretário municipal de Finanças, André Scaff, e o Secretário de Administração, Wilson do Prado, passaram por uma verdadeira sabatina por parte dos vereadores da Casa.

Na pauta da reunião, que durou quase três horas a portas fechadas, os parlamentares criticaram a ausência do prefeito Gilmar Olarte (PP) e pediram explicações de como a administração municipal pretende enfrentar a atual crise econômica.

“As perguntas mais recorrentes foram sobre a grave situação financeira atravessada pela prefeitura e o que eles pretendem fazer nas áreas de saúde e educação”, resumiu o vereador e presidente da Câmara, Mário Cesar (PMDB), que comandou a reunião ao lado dos demais colegas.

O secretário Scaff justificou a situação alegando que a gestão Olarte herdou uma dívida de R$ 200 milhões da administração anterior, mas que a arrecadação do município cresceu em fevereiro de 2015 em relação a igual período do ano passado.

As explicações, no entanto, não agradaram os parlamentares. Para a vereadora Luiza Ribeiro (PPS), que também criticou a ausência do prefeito dizendo que ele “não quer dialogar e por isso manda os secretários que não sabem responder”, os argumentos apresentados pelos titulares das pastas representadas foram muito evasivos. Ela questionou ainda os altos gastos da administração com pessoal, com publicidade e sugeriu que os cargos comissionados sejam reduzidos.

Os vereadores, de maneira geral, defenderam uma política de austeridade econômica por parte da prefeitura, com redução não só de cargos comissionados, mas também de custeios e gastos em geral, culminando inclusive com a extinção de algumas secretarias.

Ao final do encontro, os parlamentares entraram em consenso no sentido de enviar um ofício ao prefeito solicitando mais informações sobre as indagações cujas respostas ficaram ‘vagas demais’.

Na reunião estiveram presentes também os vereadores Edil Albuquerque, Carla Stefanini, Ayrton Araujo, Chocolate, Alex do PT e Tais Helena.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions