A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

02/05/2011 15:56

Começam a ser liberados R$ 5 milhões para recuperação de municípios

Marta Ferreira

O Ministério da Integração Nacional começou hoje, 2 de maio, a empenhar os R$ 5 milhões para 22 municípios de Mato Grosso do Sul que decretaram situação de emergência em razão das fortes chuvas ocorridas em março. A informação foi divulgada pelo senador Delcídio do Amaral (PT), coordenador da bancada sul-mato-grossense no Congresso Nacional. Os empenhos, segundo informou o senador, foram lançados às 10 horas desta segunda-feira no Siafi (Sistema Integrado de Administração Financeira), do governo federal.

“Agora sim os recursos estão sendo empenhados e, junto com toda a nossa bancada federal, vamos fazer gestão para que o dinheiro caia o mais rápido possível na conta das prefeituras”,afirmou.

Delcídio acredita que isso aconteça ainda esta semana. Ele disse que, caso não ocorra, fará nova intervenção na SOF (Secretaria do Orçamento Federal, do Ministério do Planejamento) para que as prefeituras sejam atendidas.

O senador informou que na última sexta-feira, a pedido do próprio Ministério da Integração, intercedeu junto à secretária de Orçamento Federal, Célia Correia, e obteve a garantia da liberação para o empenho dos recursos por parte do ministério.

Aquidauna, que ficou ilhada, vai receber o maior volume de recursos: R$ 500 milAquidauna, que ficou ilhada, vai receber o maior volume de recursos: R$ 500 mil

Divisão-Os recursos serão usados na recuperação dos estragos provocados pelas enchentes, como por exemplo na compra de óleo diesel das patrulhas mecanizadas usadas para recuperar estradas vicinais.

Os municípios de Aquidauna, com R$ 500 mil, e Anastácio, com R$ 400 mil, ficarão com a maior volume de recursos. As duas cidades ficaram ilhadas por causa da enchente no Rio Aquidauana.

Confira abaixo o rateio dos recursos:

-Alcinópolis: R$ 150 mil

-Anastácio: R$ 400 mil

-Aquidauana: R$ 500 mil

-Bandeirantes: R$ 160 mil

-Chapadão do Sul: R$ 180 mil

-Corguinho: R$ 140 mil

-Coxim: R$ 300 mil

-Dois Irmãos do Buriti: R$ 300 mil:

-Figueirão: R$ 160 mil

-Ivinhema: R$ 190 mil

-Maracaju: R$ 190 mil

-Miranda: R$ 320 mil

-Nioaque: R$ 190 mil

-Nova Alvorada do Sul; R$ 160 mil

-Paranaíba: R$ 340 mil

-Ribas do Rio Pardo: R$ 220 mil

-Rio Verde: R$ 240 mil

-Rochedo :R$ 140 mil

-Santa Rita do Pardo: R$ 150 mil

-São Gabriel do Oeste; R$ 200 mil

-Sidrolândia:R$ 190 mil

-Terenos; R$ 180 mil



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions