A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

05/10/2012 13:55

Em MS, Ministério Público Estadual paga salários de até R$ 94 mil

Aline dos Santos

Um único promotor estadual recebeu R$ 94.975 no mês de agosto. O valor é bem acima do teto do funcionalismo, fixado em R$ 26,7 mil. No caso do promotor, a remuneração inclui R$ 25.169 de rendimento líquido, mais R$ 6.873 de remuneração de indenizações e R$ 62.933 de vantagens eventuais retroativas. Um procurador recebeu, ao todo, R$ 71.938 no mês de agosto.  Um outro, R$ 61.112.

Diferente do Poder Judiciário, o MPE (Ministério Público Estadual) não informa os nomes dos servidores, divulgando apenas a matrícula. Em agosto, o CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público) decidiu que a publicação nominal é facultativa, ou seja, a decisão cabe a cada unidade.

Disponível no site do órgão, a remuneração total dos membros do MPE só é obtida após abrir duas tabelas, que totalizam 32 páginas. A folha de pagamento é composta por remuneração, vantagens pessoais, subsídio, férias, abono de permanência, previdência pública, imposto de renda e indenizações.

Já a tabela de vantagens eventuais retroativas informa que o pagamento da PAE (Parcela Autônoma de Equivalência) vai até agosto do ano que vem. O auxílio-moradia vai ser pago até janeiro de 2013.  

Conforme a assessoria de imprensa do MPE, os valores acima do teto são devido ao pagamento de direitos retroativos ou acúmulo de cargos. A justificativa é que o órgão não tem como pagar todos os valores conquistados de forma judicial, portanto optou pelos parcelamentos. O pagamento da PAE infla vencimentos nos tribunais. No TRT/MS (Tribunal Regional do Trabalho), na folha de junho, o juiz Júlio César Bebber recebeu R$ 352 mil. No TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), o desembargador Romero Osme Dias Lopes teve rendimento total líquido de R$ 79.145,45

A divulgação dos salários foi feita por exigência da Lei de Acesso à Informação, em vigor desde maio. Antes, os poderes tiveram prazo de seis meses para se adequarem às novas exigências, mas, sob a justificativa de fazer regulamentações, a exigência levou meses para ser cumprida de fato. 

MPF apura pagamento de supersalário a juízes e servidores do TRT
Em junho, um único magistrado recebeu R$ 352 milO MPF (Ministério Público Federal) vai apurar possíveis irregularidades nas remunerações de juízes e...
Benefício que infla vencimentos é pago em até 30 parcelas no TJ/MS
O valor pago a juízes e desembargadores é calculado caso a casoOs benefícios retroativos, que fazem a remuneração dos magistrados ultrapassarem o te...
No TRT, um único magistrado teve vencimento de R$ 352 mil em junho
Só no mês de junho, a folha de pagamento do TRT (Tribunal Regional do Trabalho) da 24ª região, sediado em Campo Grande, atingiu R$ 15, 6 milhões. O q...


Realmente os Promotores estão ganhando bem, mas estão pagando quase 40% do valor anunciado como "absurdo" ao Leão e à Previdência Social.
E a imensa maioria (99%) dos médicos, advogados, e outros profissionais liberais, jornalistas, donos de jornal, que aqui vieram "meter-o-pau-nesta-barbaridade", mas que sonegam pelo menos a metade do que realmente ganham, e declaram quanto querem ao Fisco!?
Como é que fica!?
Há um velho ditado na selva que diz:
- "O macaco aponta o rabo do outro, mas enrola o seu e senta em cima."
É tá tudo errado mesmo!
 
Maria de Fatima do Nascimento em 06/10/2012 16:56:04
Eu tenho pena do ministério público. Não dos que trabalham lá, no ar condicionado, ganhando 100 mil por mês. Mas tenho pena da instituição que serve como palanque para hipócritas fazerem proselitismo ideológico de quinta. Servidores que deveriam atuar a favor de todo a sociedade se transvestem de paladinos da tal 'justiça social' e passam a advogar em causa de grupos minoritários e esquecem o verdadeiro interesse público.
A instituição está, infelizmente, falida de valores morais e éticos.
 
Paula Lutero em 06/10/2012 12:45:53
sem comentarios, a reportagem ja diz tudo.
 
silvio silveira em 06/10/2012 09:00:45
Concordo com Daniel, afinal, vaga está sobrando! O que falta é; pessoas qualificadas para serem aprovadas nas provas. Bom estudos minha gente, para quem querer ser remunerado com esses salários.. hahah
 
Kleydson Garcia Feitosa em 06/10/2012 08:21:19
Realmente eles estão ganhando bem, os pilotos de jatos comerciais também estão, então vamos fazer uma Campanha para reduzir o preço das passagens aéreas (que estão caras), colocando os motoristas de ônibus para pilotar os jatos.
Aí nós embarcamos nessa frota, uma parte de alguns maus parlamentares (poucos, não são muitos), outros tantos assentos para maus administradores públicos (poucos também, o STF que o diga), e o resto de alguns donos de jornais e jornalistas, e os mandamos para Paris para uns dias de merecidas férias!
Alguém me ajuda a pagar a passagem?
 
Maria de Fatima do Nascimento em 06/10/2012 08:02:57
Engraçado né Daniel ou Daniela, que ensinou eles foram quem? Professores acho eu. Pois, tbém fizeram superior, doutorado mestrado, etc e ganham quanto? Você deve ser do PT, só pode, ou, filho de magistrado.
 
Davi Soares em 06/10/2012 07:24:58
Uma vergonha , os membros do MPE além de querer holofotes e fazerem as coisas buscando aparecer, dedicam vantagem a seus membros de mais de R$ 90.000,00 mês, isso é uma vergonha! O pior que sabem que estão fazendo algo errado, pois não mostram suas caras, esse papinho de valores retroativos é velho, esses valores estão sendo absorvidos a anos pelos mandachuvas do MP, sujeira que é melhor jorrar debaixo do tapete que cortar na propria carne! E o povo vivendo de salário mínimo! Esses sao os verdadeiros bandido!!
 
Carlos Dela Noia em 06/10/2012 00:37:07
Nas empresas privadas se ganha até mais, mas tem que produzir, dar lucro....que lucro essa justiça gera para o cidadão? muito pelo contrário, senhor defensor!, é por isso que temos a maior carga tributaria do mundo. Também não se esqueça de que a empresa/instituição só pode pagar aquilo que esta dentro da sua capacidade de pagamento. Fácil assim.
 
agricio a lima em 06/10/2012 00:05:04
R$ 94.000,00 isso se chama lesar os cofres públicos, enquanto pessoas passam necessidade, o Estado paga mordomia para certas pessoas do judiciário responsável pela justiça.... comédia.auxilio moradia vergonha, quando o estado quebrar quero ver esses chupins trabalhando.
 
divino f souza em 06/10/2012 00:00:50
Diferentemente de nossos parlamentares, todos os membros do Parquet dedicaram e dedicam muito tempo de suas vidas ao estudo; estão lá e lá recebem muito bem porque pagaram o preço: dedicação, abnegação, disciplina, perseverança, e é claro, tiveram um componente essencial - a oportunidade.
Diante disso, creio que os comentários são desproporcionais e desarrazoados, pois, com todo o respeito às demais profissões, vocês esperam que juízes, promotores, defensores públicos, dentre outros cargos, ganhem salário mínimo?
 
CARLOS RENATO LOPES em 05/10/2012 23:55:09
O Daniel deve ser parente de promotor ou um deles. Um médico estuda mais, tem responsabilidades maiores por lidar com a vida e morte e não ganha nem de perto isto, aliás, os que, como os promotores, estão no serviço público, ganham uma merreca, portanto, amigo Daniel, não subestime nossa inteligência.
 
José Joner Verneck em 05/10/2012 23:43:26
E O SALÁRIO DO TRABALHADOR, "º"!!!!!....
 
maria lina em 05/10/2012 23:06:07
Inúmeros profissionais em nossa cidade investiram mais em sua formação, passaram por processos seletivos muito mais rigorosos que esses membros do judiciário, dedicaram mais anos de suas vidas à sua formação com especializações, mestrados e doutorados dentro e fora do país e nem por isso são paparicados em cargos públicos com dinheiro do contribuinte para esses salários absurdos. Falo em nome de vários colegas médicos que labutam em corredores insalubres de nossos hospitais públicos e que para sorte de leitores como o Sr. Daniel S. da Luz não fazem acepção entre sensatos e ignorantes na hora de prestarem seus serviços.
 
Antonio salles em 05/10/2012 22:17:40
Conheço das dificuldades em chegar ao cargo de magistrado, tem que estudar e se investir muito. No entanto, 352 mil é um valor surreal...acredito que 24 mil liquido já estaria de bom grado. Enquanto uns auferem rendimentos surreais, os praças da PM-MS...trabalham muito, fazem horas extras, deslocamento a serviço sem diárias, dentre outras situação, e no caso do Soldado ganha R$2.200,00 bruto!!!!! Cuidar de vidas alheias em detrimento a própria vida, me parece muito indigno de quem fica num conforto do gabinete e ainda profere decisões que dispensa todo e qualquer comentário.
 
Rogerio da Silva Oliveira em 05/10/2012 22:04:03
Bom, tenho 29 anos, se no próximo ano começar a estudar Direito, serão 5 anos, depois de formada faço uma pós-graduação, são + 2 anos, e enquanto isso, sigo prática forense, uns 5 anos. Inicio meu Mestrado, são + 2 anos, estudo igual uma louca para ser aprovada num concurso público, por cima, uns 4 anos. Ufa! São no total: 18 anos de preparação para ser juiz! Um juiz em fim de carreira como todos seus benefícios e vantagens, justifica ganhar esse valor. Agora um zé mané que mal termina o Ensino Médio, que argumento tem para fazer comparação? Ou melhor, cargos eletivos, que só precisam ser alfabetizados, para assumir uma função tão importante e sabe o que mais, não precisa fazer concurso público! Fica o meu desabafo. Com 47 anos, vou continuar fazendo algo útil.
 
Cristiane Cidrão em 05/10/2012 21:37:04
De onde que verbas retroativas é salario???? Sou advogado trabalhista e vejo nitidamente que uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra.. E sabe do q mais... Brasileiro tem q largar de ser hipocrita... Se preocupa em pegar no pe de quem trabalha e que deve sim ganhar bem (juiz, promotor e defensor), so q ninguem quer investigar o cartao de credito corporativo da presidenta da republica, q é ilimitado e nao presta contas p ninguem.. As milionarias verbas indenizatorias dos parlamentares... ACORDA BRASIL!
 
Joao Batista Pereira em 05/10/2012 21:23:41
O que mais me adimra é a falta de indiganção das pessoas ao lerem esta noticia. Começo a acreditar que um povo que não se indigna também com isso, está fadado a continuar passando pelo que passa.
 
marcelo neto em 05/10/2012 20:45:03
Esses salários astronomicos e ainda eles recebem auxilio moradia, alimentação, "terno", gasolina, viagens, etc....! Eles trabalham pouco, não rendem nada no cargo (é só olhar a quantidade de criminosos soltos e com multiplas passagens) e ainda por cima dizem que o salário mínimo que recebemos esta certo! Teve uma pesquisa na internet que para o brasileiro ter os direitos constitucionais honrados o mínimo deveria ser de R$2,600.00 (visto que 40% dele é só para pagar impostos!) para ter cesta básica de R$360, água, luz, moradia, transporte, saúde, educação e lazer (R$30 mensal por pessoa!). Não sei se tenho vergonha do meu País ou do povo que elege os pilantras, por isso voto "NULO" por não poder ter meu direito de voto e sim obrigação do mesmo !
 
Alexandre de Souza em 05/10/2012 19:56:59
Promotor de que? de Justiça? A ta! Incrível o primeiro comentário lá em cima! Ninguém duvida do merecimento de uma carreira como essa, tanto pelo esforço em chegar lá, quanto pela manutenção das atribuições do cargo, isso é induvidoso, todavia, não estamos na Dinamarca, Suécia, Alemanha...aqui ainda há pessoas morrendo de fome e frio! Todos os dias, toda hora! Auxílio Moradia? Isso é uma vergonha! Não passa de uma trapaça para cobrir a abocanhada do leão! Vocês não me enganam! Dia chegará em que os que ainda tem vergonha na cara, mesmo se beneficiando financeiramente, se rebelarão contra esse tipo de imoralidade acobertada por uma pretensa legalidade! Um Órgão como o MP merece mais! Com esse pseudopoder de toga e subsídio até Roma caiu! É preciso ter o poder da ética, da vergonha na cara.
 
Eduardo Costa em 05/10/2012 19:50:49
Os promotores se dizem os únicos que cumprem as leis, são metidos a denunciar todo mundo, tudo cabe improbidade, ninguém presta, só os promotores, mas agora a mascara caiu !!!
Sera que algum promotor vai entrar na Justica para suspender essa imoralidade? Quem se candidata?
 
Josias Lopes Couto em 05/10/2012 19:30:05
SÓ AUMENTANDO A DESIGUALDADE SOCIAL, MAIS DA METADE DESSES VALORES ERA PRA ESTAREM NAS CRECHES QUE NAO TEM VAGA, NOS POSTOS QUE NÃO TEM ATENDIMENTO, NO ASFALTO QUE NAO CHEGA NA MINHA RUA E ENQUANTO ISSO, A BURGUESIA RI DA NOSSA CARA COM A DESCULPA, ESTUDE... EU TENHO CURSO SUPERIOR, POS GRADUAÇÃO, FIZ CURSINHO, SOU CONCURSADO E GANHO 2.100,00... POR MÊS. AGORA PENSA EM QUE TEM QUE VIVER COM UM SALARIO MÍNIMO??? PARABENS!!! BRASIL!!! TEMOS QUE APROVAR URGENTE UMA LEI QUE PROIBA QUALQUER UM, SEJA QUEM FOR, DE GANHAR ACIMA DE 26.000,00 POR MES... QUE VERGONHA... ISSO É UM ABSURDO.
 
Adriano Lima em 05/10/2012 19:16:32
Pra quem acha que ta ganhando pouco e que eles estão ganhando muito, é só estudar. ( 5 anos de curso superior de direito, + preparatório pra concurso + pós graduação + mestrado + 3 anos de atividade jurídica... ) quem acha que eles não merecem e tão ganhando de mais taí a dica: É só para de reclamar e ir atrás.
 
DANIEL SUSANA DA LUZ em 05/10/2012 17:27:02
Antes de criticar o País que mora, deve analisar em quem votou para fazer Lei, se fez ou está fazendo alguma coisa. Isso não é salário e se nossa justiça honrasse o nome, evitaria cair nesse escândalo. Mas nós podemos mudar muito, se souber usar a inteligencia, ajudado pela facilidade de mídia que temos hoje.
 
luiz alves em 05/10/2012 16:59:16
Um questionamento somente: um cidadão que recebe um salário como acima necessita de auxílio-moradia?
Sendo assim, quem recebe entre dois e três salários mínimos precisará de um auxílio-vida...
 
Daniel Oliveira em 05/10/2012 16:52:32
Pode-se até afirmar que a culpa não é de quem recebe, no entanto, qulaquer olhar mesmo hipócrita deve afirmar uma desproporcionalidade enorme com o tipo médio brasileiro. A desigualdade é tão, que extrapola qualquer possivel comentário.
 
Bruno de Oliveira Ribeiro em 05/10/2012 16:47:11
Isso tudo por apenas 30 dias trabalhado???, Que justiça é essa???
 
Eduardo Vilela em 05/10/2012 16:36:15
Salários de primeiro mundo em país de terceiro. A culpa não é de quem recebe.
 
Áttila Gomes em 05/10/2012 14:33:24
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions