ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEGUNDA  23    CAMPO GRANDE 33º

Empregos

Assembleia vai chamar mais 15 aprovados em concurso público

Grupo vai preencher o restante das 80 vagas abertas no primeiro concurso do legislativo

Por Leonardo Rocha | 12/03/2019 13:19
Grupo de aprovados tomou posse na Assembleia e foi recepcionado pelos deputados (Foto: Assessoria/ALMS)
Grupo de aprovados tomou posse na Assembleia e foi recepcionado pelos deputados (Foto: Assessoria/ALMS)

A mesa diretora e os deputados recepcionaram, durante esta sessão, 16 novos servidores, que foram aprovados no concurso público. Eles receberam os respectivos crachás para iniciar os trabalhos. Também foi divulgado que o legislativo vai chamar mais 15 aprovados, para completar as 80 vagas abertas no certame.

A informação foi confirmada por Marlene Figueiredo, secretária dos Recursos Humanos da Assembleia. Ela explicou que faltam 12 serem chamados para completar a lista das 80 vagas no concurso público, além disto, serão abertas mais três (vagas) para intérprete de libras, completando um grupo de 15.

“Hoje houve a apresentação de 16 (aprovados) e iriam faltar mais 12, mas vamos chamar ainda mais três intérpretes de libras, já que precisamos desta demanda. Agora vai seguir o trâmite legal, para cumprir os prazos”, disse Figueiredo.

Ela adiantou que vão ser chamados mais estes 15 aprovados, que terão 30 dias para enviar a documentação, e depois mais 30 (dias) para assumirem as vagas. O presidente da Assembleia, o deputado Paulo Corrêa (PSDB), já adiantou que não vai renovar o concurso, que vai vencer o prazo em 30 de maio.

Chamadas - A primeira chamada para o concurso ocorreu em agosto de 2017, quando dos 40 nomeados, apenas 29 tomaram posse. O então presidente da Assembleia, o deputado Junior Mochi (MDB), garantiu que até o final do seu mandato, chamaria as 80 (vagas) previstas no concurso.

Foram feitas outras chamadas, até que em dezembro do ano passado, Mochi nomeou mais 28 (aprovados) e disse que assim completava o grupo previsto no edital.

Ele ainda ponderou que caberia a nova diretoria decidir se iria nomear os remanescentes, de acordo com a demanda do legislativo. Entretanto a intenção da mesa diretora é apenas terminar as convocações que tinham sido feitas edepois encerrar o certame.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário