A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

10/12/2010 12:12

Empresa troca Maringá por Campo Grande e investe R$ 100 milhões em MS

Ana Maria Assis

O Grupo Pothencia, do Paraná, transfere a sua sede nesta segunda-feira (13) para a Capital de Mato Grosso do Sul. Os departamentos administrativo, financeiro e comercial do grupo, que foi fundado em Maringá em 2004, passam a operar em Campo Grande.

Formado pelos segmentos de reflorestamento, tecnologia animal e irrigação por gotejamento, mesmo no estado do Paraná, o grupo investe em Mato Grosso do Sul desde 2007. Aqui está o primeiro plantio de florestas de madeira nobre e o viveiro de mudas.

Nos próximo dez anos, de acordo com o empresário, a meta é investir cerca de R$ 100 milhões no Estado, incluindo os novos negócios na área de nutrição animal e em um inovador sistema de irrigação por gotejamento.

Uma das fazendas do gruop, com 880 hectares, está localizada em Camapuã (a 138 quilômetros de Campo Grande). Na propriedade, estão sendo cultivados mais de um milhão de árvores das espécies Canafístula, Guanandi e Ipê Rosa, que serão destinados para atender aos setores moveleiro, da indústria naval e da construção civil.

Conforme o diretor-presidente e fundador do grupo, Jarbas Leão Calheiros Magro, a transferência da sede do Paraná para o Mato Grosso do Sul estava planejada desde a compra da primeira fazenda em Camapuã.

Jarbas Leão destaca que em três anos e meio, o grupo já investiu cerca de R$ 12 milhões no estado. O dinheiro foi aplicado na estrutura de viveiros, edificações, aquisição de fazendas, maquinários, sistema de irrigação e implantação e manutenção de florestas.

O empresário explica que o Grupo Pothencia tem uma proposta inovadora, sendo o maior do Brasil, em número de árvores cultivadas, voltado para espécies de madeira nobre nativa das Américas. Ele compara a proposta do grupo com o que aconteceu com os eucaliptos, quanto ao aumento de cultivo dos últimos anos.



OTIMA NOTICIA! SERÁ QUE TRARÁ ALGUM BENEFICIO PARA O RESTO DO ESTADO?
 
Mary Ines de Souza Klein em 10/12/2010 05:46:46
isso é sim é muito bomm !!! mas é preciso rever a carga de impostos dos pequenos ainda é um absurdo !!! sobregarrega os pequenos pra insentivar a vinda dos grandes empresas !!
 
DINEI DE OLIVEIRA em 10/12/2010 05:32:20
Isso é noticia muito boa, sorte que é em Campo Grande, CAPITAL DE MS ^^
 
Rodrigo Oliveira dos Santos em 10/12/2010 03:34:47
ISSO É NOTICIA MUITO BOA, PENA QUE NÃO É NO MUNICIPIO DE BELA VISTA MS
 
ADEMIR ROCHA em 10/12/2010 01:37:05
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions