A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 15 de Agosto de 2018

11/06/2010 15:47

Esposa e marido divergem sobre tortura com furadeira

Redação

O depoimento prestado pela esposa de Jackson Morales Barreto, que se apresentou à Polícia ontem como vítima de tortura provocada por uma furadeira, divergiu da versão dada por ele ao delegado Márcio Obara, da 5ª Delegacia de Polícia da Capital, que investiga o caso.

De acordo com o delegado, vários pontos das duas versões são distintos. Um deles é que a esposa informou que o marido chegou a casa ferido, depois de ser torturado.

Já Barreto informou que após ser abandonado na estrada da Gameleira, na saída para Sidrolândia, ligou para a mulher e ela foi buscá-lo no local.

Perícia

Mais de cem empresas são notificadas por não cumprirem lei de aprendizagem
Mais de cem empresas foram notificadas por não cumprem a Lei de Aprendizagem em Mato Grosso do Sul. Segundo a Superintendência Regional do Trabalho, ...
Universidades terão incentivo de R$ 10 milhões a projetos de combate a obesidade
Chamada pública do Ministério da Saúde incentiva universidades públicas e privadas a desenvolver projetos com ações de prevenção, diagnóstico e trata...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions