ACOMPANHE-NOS    
MAIO, QUARTA  18    CAMPO GRANDE 16º

Cidades

Esposa e marido divergem sobre tortura com furadeira

Por Redação | 11/06/2010 15:47

O depoimento prestado pela esposa de Jackson Morales Barreto, que se apresentou à Polícia ontem como vítima de tortura provocada por uma furadeira, divergiu da versão dada por ele ao delegado Márcio Obara, da 5ª Delegacia de Polícia da Capital, que investiga o caso.

De acordo com o delegado, vários pontos das duas versões são distintos. Um deles é que a esposa informou que o marido chegou a casa ferido, depois de ser torturado.

Já Barreto informou que após ser abandonado na estrada da Gameleira, na saída para Sidrolândia, ligou para a mulher e ela foi buscá-lo no local.

Perícia

Nos siga no Google Notícias