A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

16/06/2009 14:12

Ex-vereador confessa assassinato e se entrega à Polícia

Redação

O ex-vereador de Costa Rica José Divino Francisco da Silva, 46 anos, se entregou à Polícia, em Campo Grande. Ele confessou o assassinato do borracheiro Alzemiro Cordeiro dos Santos, de 44 anos, em Costa Rica, município a 332 quilômetros de Campo Grande.

Fio do Povo, como é conhecido, se apresentou por volta das 17 horas na Delegacia Especializada de Capturas e Polinter, depois de contratar um escritório de advocacia da Capital.

Hoje ele retornou a Costa Rica, onde prestou depoimento e entregou a arma do crime ao delegado Arivaldo Teixeira, um revolver 38 com 3 munições deflagradas.

O ex-vereador disse que matou o borracheiro porque era ameaçado por casua de uma dívida de R$ 400,00 , referentes a compra de um pneu.

Na versão de José Divino, no dia do crime Miro se aproximou do caminhão onde o ex-vereador estava e depois de uma discussão reagiu a um movimento da vítima, pensando que o borracheiro sacaria um revólver.

Divino garante que achou que Miro iria atirar e por isso sacou a arma e disparou três tiros. O ex-vereador responderá ao assassinato em liberdade. Ele também é suplente hoje na Câmara de Costa Rica.

O delegado informou ao site Hora da Notícia que vai ouvir a esposa da vítima até a próxima sexta-feira e deve concluir o inquérito e encaminhar ao judiciário até o próximo dia 24.

Câmara Federal regulamenta carreira dos agentes comunitários de saúde
Com a presença de agentes comunitários nas galerias da Câmara, os deputados federais concluíram hoje (12) a votação do projeto de lei que regulamenta...
Anvisa libera serviço de vacinação em farmácias de todo o país
Farmácias e drogarias de todo o país vão poder oferecer o serviço de vacinação a clientes. A possibilidade foi garantida em resolução aprovada hoje (...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions