A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 18 de Janeiro de 2019

13/10/2010 05:55

Feriadão violento é marcado por sete mortes em BRs

Redação

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) contabiliza sete mortes ocorridas nas rodovias federais que passam por Mato Grosso do Sul, durante o feriado prolongado, que teve início no sábado (09/10) e terminou ontem.

O número de vítimas é bastante acima do mesmo período do ano passado, quando uma pessoa faleceu em acidente.

Houve aumento também no total de acidentes, este ano foram registrados 66 e no ano passado foram 54.

Diferente do ano passado, em que a BR-163 foi a recordista de mortes, as sete deste ano foram na BR-262 e BR-158.

Para a PRF, sonolência, invasão da pista contrária, ultrapassagem indevida e falta de atenção causaram os acidentes.

Neide de Oliveira Ferreira, 59 anos, e Alfredo Domingos Ferreira, 65 anos, morreram em acidente ocorrido ontem. Eles estavam de caminhonete pela BR-158, em Aparecida do Taboado, quando houve a colisão com um caminhão.

No domingo, duas pessoas morreram durante capotamento de um Prisma na BR-262 em Corumbá, o motorista Jorge Leite de Medeiros Júnior, 27 anos, e uma adolescente.

Eva Gomes Cardoso Gonçalves, 48 anos, morreu durante o capotamento de um Fusca também na BR-262, em Três Lagoas, em acidente ocorrido às 18h30 de segunda-feira.

Ainda na BR-262, em Campo Grande, o ciclista Elias Cardoso, 44 anos, morreu ao colidir com um veículo Chevette, no sábado (09/10).

Na BR-158, em Três Lagoas, a colisão frontal de uma carreta com um caminhão deixou mais uma vítima, Zenilton de Oliveira Brito, 42 anos, também no sábado.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions