A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

10/02/2009 13:08

Ferrovia que ligará MS ao Paraná deve custar R$ 2 bi

Redação

Dois bilhões de reais, este é o custo estimado para a implantação de um ramal ferroviário que vai ligar Mato Grosso do Sul ao porto de Paranaguá, no Paraná. Ontem, em Brasília, aconteceu a primeira reunião técnica para a construção da Ferroeste.

"Os investimentos em infra-estrutura logística tornam os modais mais baratos para o escoamento da produção agrícola, o que tornará o Estado mais competitivo", ressaltou o governador do Estado, André Puccinelli (PMDB).

O ramal terá uma extensão de 950 quilômetros e os recursos para sua construção serão do o governo federal e dos dois Estados beneficiados, Mato Grosso do Sul e Paraná.

"Na reunião discutimos detalhes de qual será o modelo de gestão do empreendimento, se haverá necessidade da criação de uma empresa específica para gerenciar a obra, bem como detalhes do projeto técnico da ferrovia. Na próxima reunião, acontecerá no mês que vem, vamos acertar os detalhes dos investimentos envolvendo recursos federais e estaduais", adiantou o secretário estadual de Obras, Edson Giroto.

De acordo com o secretário, a reunião definiu também que os trabalhos serão implantados em duas etapas. Inicialmente, os investimentos estarão voltados para a modernização do trecho já existente e implantação do trecho Cascavel - Mundo Novo, que terão seus projetos de engenharia atualizados, inclusive o da Ponte sobre o rio Paraná na altura de Mundo Novo.

A comissão criada em Brasília para acompanhar o projeto também vai realizar um estudo de viabilidade econômica da implantação de um ramal ligando Mundo Novo, Dourados e Maracaju.

"O mais relevante a esta altura é que o projeto começa a sair do papel, ganha consistência e se constituirá, em breve, num marco para o desenvolvimento das regiões por ele alcançadas", disse o secretário de Planejamento, Carlos Alberto Negreiros, que também participou da reunião.

Indenizações por morte no trânsito crescem 24% em relação a 2016
O número de indenizações pagas pelo Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (Seguro Dpvat) entre janeiro e novemb...
ANS regulamenta novas regras de compartilhamento para planos de saúde
A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) publicou duas resoluções normativas na tentativa de dar mais segurança e estabilidade ao mercado de pla...
UFMS recebe inscrições para vários cursos no Vestibular 2018
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions