A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

25/09/2009 10:09

Gestor da Santa Casa é acusado de quebrar empresa na BA

Redação

Indicado para ser diretor administrativo da Santa Casa de Campo Grande, como o gestor hospitalar, o contador e administrador de empresas José Adolfo Oliveira da Silva, 56 anos, é acusado de quebrar um plano de saúde e prejudicar cerca de 3 mil usuários em Salvador (BA).

Conforme a denúncia do MPE (Ministério Público Estadual) da Bahia, o Plano Assistência Médica Integral, do qual Silva era um dos gestores com José Andrade Brito, implementou "práticas abusivas" e desapareceu de forma "sorrateira" do mercado.

Em 2006, a promotora Joseane Suzart Lopes da Silva, denunciou que o plano negava aos usuários vários exames, limitava o atendimento e o período de internação hospitalar, não cobria as faturas geradas e incentivava a suspensão indevida dos serviços, provocando o descredenciamento sem comunicar à ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar).

Ela ainda disse que os usuários do plano eram obrigados a pagar as mensalidades, mas quando precisavam de atendimento médico, eram obrigados a arcar integralmente com as despesas médicas ou recorrer ao SUS (Sistema

Carro roubado no Rio de Janeiro é recuperado em estrada rumo ao Paraguai
Um automóvel recentemente roubado no Rio de Janeiro foi recuperado por policiais militares em uma estrada vicinal de Japorã –a 487 km de Campo Grande...
Recesso de fim de ano começa nesta semana no Judiciário e Legislativo
Na reta final de 2017, para alguns servidores a "folguinha" das festas começa mais cedo. Em orgãos Estaduais e Federais de Mato Grosso do Sul, tem re...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions