A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 19 de Janeiro de 2018

18/06/2008 16:10

Grupo indígena deixa área invadida em Miranda

Redação

Indígenas que desde ontem invadiram a área da Fazenda Boa Sorte, em Miranda, município distante 212 quilômetros de Campo Grande, deixaram a propriedade às 15 horas de hoje. Com a criação de um grupo de estudo para acelerar o processo de demarcação da terra, os índios voltaram para suas comunidades.

A equipe será composta por antropólogo, agrimensor e historiador, que deverão chegar de Brasília em julho. O adminstrador executivo regional da Funai (Fundação Nacional do Índio), Claudionor do Carmo Miranda, explica que o grupo dará continuidade ao estudo da área, que estava parado desde 2002, quando o antropólogo do grupo morreu.

Na semana passada a Justiça já havia concedido mandado de reintegração de posse e ontem a polícia foi ao local para cumprir. Na ação, houve confronto entre indígenas e a PM (Polícia Militar).

As famílias que vivem hoje nas aldeias Passarinho e Moreira ocupam 160 hectares em Miranda e reivindicam área de 208 hectares. Para pressionar os trabalhos de demarcação, eles ocuparam a Fazenda Boa Sorte.

Prazo para segunda etapa de matriculas na rede estadual termina nesta 6ª feira
Termina nesta sexta-feira (dia 19) o prazo para a segunda etapa de matrícula nas escolas da rede estadual de ensino. Até o momento, 215.398 já efetiv...
Começa na segunda-feira prazo para alunos da UEMS fazerem rematrícula
Quem já é aluno da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) tem prazo de segunda-feira, 22 de janeiro, até a 3 de fevereiro para confirmar ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions