A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 20 de Janeiro de 2018

23/11/2009 08:14

Homem é suspeito de colocar fogo na casa da ex-mulher

Redação

Um homem identificado como Sebastião é o principal suspeito de ter colocado fogo na casa da ex-mulher, Edenilda Barros Benevides, de 36 anos, na manhã desta segunda-feira. O caso ocorreu no bairro São Francisco, em Campo Grande. Por pouco, os filhos dela não foram queimados.

Dois dos cinco cômodos da residência de alvenaria foram atingidos pelas chamas. Os outros ficaram com as paredes 'cinzas', devido à fumaça. O quarto de Edenilda, que é empregada doméstica, ficou completamente destruído.

A irmã de Edenilda, Iara Pereira, 28 anos, conta que o casal estava junto havia sete anos e que nos últimos meses, brigavam constantemente. Segundo ela, Edenilda descobriu traições de Sebastião e tentava terminar o relacionamento, mas ele não aceitava.

"Ele destruiu tudo. Ele ainda pediu para eu deixar meus filhos com ele. Se eu tivesse deixado, eles estariam mortos agora, na minha cama", diz a mulher.

Na última sexta-feira (20), após uma briga, Edenilda conseguiu dar fim à relação e colocar Sebastião para fora de casa. De acordo com Edenilda, após essa briga, Sebastião jogou gasolina no próprio corpo e depois riscou fósforos, mas não se queimou.

Na manhã de hoje, Edenilda saiu de casa para trabalhar e no ponto de ônibus, encontrou Sebastião. Ela então voltou para a residência, junto com o ex-marido, para buscar um óculos do filho.

Ao chegar em casa, acordou os filhos de nove e 10 anos, e pediu para que fossem para a casa da avó. Sebastião chegou a insistir para que ela deixasse os filhos com ele na casa. Segundo Edenilda, o ex-marido estava com uma faca nas mãos e mexia no fogão.

Edenilda então retomou o caminho para o trabalho, mas, no trajeto, foi avisada que a casa dela estava em chamas. Ao chegar à residência, entrou em desespero e ficou muito abalada. A suspeita é que Sebastião tenha cortado a mangueira do botijão de gás e com isso, colocou fogo na casa.

A Polícia está à procura do suspeito.

Rodovias federais de MS tiveram 162 mortes e 390 feridos graves em 2017
As rodovias federais que cortam Mato Grosso do Sul registram 1.928 acidentes durante o ano passado, sendo que destes resultaram 390 vítimas feridas g...
Carreta da Justiça retorna atendimentos semana que vem em Ladário
O calendário de viagens da Carreta da Justiça, projeto do TJ-MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), será retomado começa na próxima segunda-...
Número de acidentes e mortes em rodovias federais cai em 2017
A falta de atenção dos motoristas brasileiros foi a principal causa dos acidentes de trânsito ocorridos ao longo do ano passado, segundo a Polícia Ro...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions