A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

10/02/2016 11:31

Câmara de Aral Moreira faz 1ª sessão dia 15 e vai debater prisão de vereador

Alexandrino Garcia foi preso pela PF acusado de integrar quadrilha de narcotráfico internacional que mandava droga até para Europa

Helio de Freitas, de Dourados
Alexandrino foi preso pela PF no dia 2 deste mês (Foto: Divulgação)Alexandrino foi preso pela PF no dia 2 deste mês (Foto: Divulgação)

A Câmara de Vereadores de Aral Moreira, a 364 km de Campo Grande, faz na segunda-feira (15) a primeira sessão de 2016 e terá como principal assunto para ser debatido em plenário a prisão de um de seus integrantes, Alexandrino Arevalo Garcia (PROS), que já presidiu o Legislativo do município de 9.600 habitantes, localizado na fronteira com o Paraguai.

Oito dias após a prisão de Alexandrino – ocorrida durante a Operação Matterello, desencadeada pela Polícia Federal para desmontar uma quadrilha internacional de tráfico de drogas –, A mesa diretora da Câmara ainda não se pronunciou sobre o caso.

A Polícia Federal não divulgou nomes das pessoas presas na operação, mas imediatamente a notícia sobre a detenção do vereador mais votado nas eleições de 2012 se espalhou pela pequena cidade. Alexandrino é acusado de fazer parte da organização criminosa que, segundo a PF, mandava cocaína até para a Itália e Espanha, pelo porto de Santos.

Entre as pessoas presas – a PF não revelou com exatidão quantos dos 31 mandados de prisão preventiva foram cumpridos –, estavam, além do vereador, um empresário de Ponta Porã, seu irmão e os dois filhos dele e um empresário de Dourados, que atua no ramo de vidros temperados e tem também endereço em Aral Moreira.

Na sessão marcada para 19h30 de segunda, o prefeito Edson de David (PTB) vai apresentar sua mensagem de abertura do ano legislativo.

Caso a Câmara decida pelo afastamento de Alexandrino Garcia, assume a vaga o primeiro suplente da coligação, o servidor público Osmar Amaral.

PF prende vereador e outros cinco envolvidos com o tráfico na fronteira
A Polícia Federal cumpriu, até agora, 20 dos 31 mandados de prisão contra pessoas suspeitas de envolvimento com o tráfico de drogas em Mato Grosso do...
PF faz megaoperação contra facção que atua em 5 cidades de MS
A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira (02) operação com objetivo de combater o tráfico de drogas em 13 cidades, cinco em Mato Grosso...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions