A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

16/11/2015 11:41

Chuva de 110 milímetros alaga casas e abre crateras nas ruas

Helio de Freitas, de Dourados
Buraco aberto pela enxurrada durante temporal deste domingo em Naviraí (Foto: Divulgação)Buraco aberto pela enxurrada durante temporal deste domingo em Naviraí (Foto: Divulgação)

A chuva da noite deste domingo, acompanhada de vento forte, provocou estragos em vários bairros de Naviraí, cidade a 366 km de Campo Grande. De acordo com a prefeitura, a precipitação foi de 110 milímetros, o que corresponde a 110 litros de água por metro quadrado.

Funcionários da prefeitura e da Defesa Civil percorrem a cidade ainda durante a noite e verificaram que pontos mais afetados foram as regiões do Jardim Paraíso, Vila Alta e Belo Horizonte. Sol Nascente, Oásis e Eldorado também foram atingidos.

De acordo com a assessoria da prefeitura, residências no Jardim Paraíso foram alagadas, árvores foram arrancadas, erosões foram abertas pela enxurrada e em alguns bairros o abastecimento de água ficou comprometido. Na região do bairro Belo Horizonte, entre o Jardim Paraíso e a Vila Alta, a água da chuva abriu crateras na Rua Ipuitã.

O trabalho para recuperar os estragos começou na manhã desta segunda-feira, feito por equipes da Gerência de Serviços Públicos da prefeitura. A Sanesul também começou a normalizar o abastecimento de água.

De acordo com o prefeito Léo Matos (PSD), só a drenagem e o asfalto vão resolver em definitivo o problema das erosões e alagamento nos bairros. “Não adianta ficar colocando terra, vamos ter que ir atrás da drenagem e asfalto”, afirmou ele. Matos disse que nessa região mais afetada da cidade as casas foram construídas sem a infraestrutura necessária. “Agora estamos pagando o preço”.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions