ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, SEXTA  18    CAMPO GRANDE 26º

Interior

Bebê de 7 meses morre e suspeita é de estupro por primo de 15 anos

Por Viviane Oliveira | 05/03/2012 18:35

Um indígena de 15 anos estuprou a prima, um bebê de sete meses, no final da manhã de hoje (5), no Jardim Pantanal, em Dourados, cidade distante 233 quilômetros de Campo Grande.

De acordo com o site Dourados Agora, por volta das 12h30 o jovem deixou a prima no atendimento do pronto socorro do Hospital da Vida. Ele abandonou a criança na recepção e disse que iria chamar os pais.

A princípio a menina estava sendo atendida por lesão corporal, mas a equipe médica constatou ferimentos na genitália. A criança morreu por volta das 14h30.

O rapaz foi localizado e preso. Para a Polícia Civil, ele disse que apenas introduziu o dedo no órgão genital da menina, informação descartada pela equipe médica, devido à gravidade da lesão.

A mãe do bebê, que na manhã desta segunda-feira deixou a criança com o sobrinho, para ir trabalhar, também foi ouvida. Ela disse ao delegado que o rapaz ficou responsável de levar a sua filha até um posto de saúde, na manhã de hoje, pois a criança estava com febre.

A menina passou por atendimento e quando o primo a levou para casa praticou o crime sexual. O rapaz não deu muito detalhes, mas confessou o abuso ao trocar a fralda da prima. A mãe da criança só ficou sabendo do caso no início da tarde de hoje.

De acordo com o delegado, o jovem apreendido por estupro vulnerável seguido de morte será recolhido na Unei (Unidade Educacional de Internação) e deverá cumprir pena educativa de no máximo três anos.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário