A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 26 de Junho de 2017

06/04/2012 12:45

Em um mês, 2 funcionários morrem vítimas de queda em mineradora

Viviane Oliveira

A morte do trabalhador Moyses de Souza Pinto Junior, 41 anos, que caiu de uma altura, de aproximadamente seis andares, em Corumbá, é a segunda morte ocorrida na mineradora este ano, empresa que presta serviço para Companhia Vale do Rio Doce.

No dia 10 de março, o ajudante de produção Marcelo Maia, 30 anos, morreu após sofrer uma queda. Marcelo sofreu traumatismo craniano grave e hemorragia. Ele chegou a ser socorrido com vida, mas morreu durante atendimento médico.

Acidente - Na noite de ontem por volta das 23 horas, Moyses funcionário da empresa MCR (Mineração Corumbaense Reunidas S/A) morreu ao cair de uma altura elevada.

A vítima chegou a ser socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e encaminhada ao hospital local, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

No momento da queda, três funcionários trabalhavam com Moyses. O caso foi registrado como morte a esclarecer na 1ª DP de Corumbá. A assessoria de imprensa da Vale informou que está dando todo o suporte necessário à família do trabalhador e que as causas do acidente estão sendo investigadas.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions