A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 27 de Março de 2017

29/01/2014 08:37

Guaranis-Kaiowás tem 30 dias para deixar fazenda em Dourados

Luciana Brazil
Comunidade tem 30 dias para deixar a fazenda. (Foto:Dourados Agora)Comunidade tem 30 dias para deixar a fazenda. (Foto:Dourados Agora)

Após nova decisão judicial, a comunidade Guarani Kaiowá, o tekoha Apyka'i, em Dourados a 233 quilômetros de Campo Grande, que ocupa a Fazenda Serrana, poderá enfrentar mais uma reintegração de terra.

Os Kaiowás tem 30 dias para sair do local, onde estão acampados desde setembro de 2012. Segundo a decisão, o prazo começou a valer a partir de ontem. Os índios garantem que não deixarão a fazenda.

Antes da invasão da comunidade, a fazenda era utilizada por uma usina destinada ao plantio de cana em larga escala. Conforme as lideranças indígenas, os índios ficaram por 14 anos acampados à beira da rodovia BR-463, próximo a Dourados.

De acordo com o CIMI (Conselho Indiginista Missionário), a terra reivindicada pelos kaiowás passa por processo de delimitação e identificação feito pela Funai (Fundação Nacional do Índio).




Caro Newton, você esta precisando ler mair um pouco antes de comentar sobre esse assunto polêmico. No mais ei ai uma boa reportagem para você refletir.
http://www.agrolink.com.br/culturas/milho/NoticiaDetalhe.aspx?codNoticia=118626#.UpUEghT9Xaw.facebook
 
Allan Pasqualotto em 29/01/2014 22:00:43
SENDO LIVRE A MANIFESTAÇÃO DO PENSAMENTO E EM ATENÇÃO À OPINIÃO MUITO FELIZ DO SR. GABRIEL GONÇALVES, PERCEBI TRATAR-SE DE UMA PESSOA DE APURADÍSSIMO SENSO NORMAL E, ÓBVIAMENTE, EQUILIBRADÍSSIMA, COERENTE E RESPEITOSA. ASSIM, EM MOMENTO ALGUM QUIS SER OU PARECER O DONO DA VERDADE, ATÉ PQ NADA É ABSOLUTO, LÓGICO E FECHADO. ENTRETANTO, A MINHA PREOCUPAÇÃO Ñ É C/ O MEU CONFORTO, MAS C/ A SITUAÇÃO DOS NOSSOS IRMÃOS ÍNDIOS, Q É A PARTE MAIS FRACA E OPRIMIDA, NESTE CASO. NA VIDA E EM QQ SITUAÇÃO, DEVEMOS AGIR SEMPRE C/ A RAZÃO, SENSATEZ E PRUDÊNCIA, P/ Q POSSAMOS PENSAQR EM LIBERDADE, SEGURANÇA E, PRINCIPALMENTE, JUSTIÇA, DE ÍNDIOS E NÃO ÍNDIOS, ONDE O SR. SE INCLUI, QUERO CRER.
 
NEWTON GALACHE, DE BRASÍLIA-DF em 29/01/2014 14:01:21
Quando não há que se falar em estado democrático de direito,entende-se um outro regime,certo??Canaviais,ora,canaviais....se o Brasil pode muito bem importar etanol de milho dos E.U.A,certo??Visão surrealista..............
 
gladis alaia em 29/01/2014 11:00:55
Não discordo de nenhuma palavra sua Newton, no entanto você deve pensar o seguinte: tudo aqui era dos nativos desta terra, se formos devolver tudo teremos que fechar cidades inteiras por serem terras indígenas... Você sairia do conforto de sua casa para entrega-la para os nativos que estão reivindicando suas terras??? Creio que não. Essa situação deve sim ser resolvida o quanto antes, pois eles não merecem ficar a mercê como estavam ficando, o governo tem que ser rápido quando o assunto for esse, mas não podemos sair entregando todas as fazendas que os nativos querem, pois elas são a nossa fonte de renda.
 
Gabriel Gonçalves em 29/01/2014 10:27:52
É A PURA INVERSÃO DE VALORES, UM TAMANHO CONTRA SENSO, OS PRIMEIROS HABITANTES DO BRASIL, LEGÍTIMOS E VERDADEIROS DONOS DA TERRA SE SUBMETENDO A MAIS UM PROCEDIMENTO DE REINTEGRAÇÃO DE POSSE. ASSIM, Ñ HÁ QUE SE FALAR EM ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO, EM CIDADANIA, NA DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA, QTO MENOS SEQUER PENSAR NA CONSTRUÇÃO DE UMA SOCIEDADE LIVRE, JUSTA E SOLIDÁRIA E NA PROMOÇÃO DO BEM DE TODOS, S/ PRECONCEITOS E DISCRIMINAÇÃO DE ORIGEM, RAÇA E COR, ONDE TODOS DEVERIAM SER IGUAIS PERANTE A LEI. ENQTO NÃO HOUVER UMA PROFUNDA E RADICAL MUDANÇA DA CULTURA E DO PENSAMENTO DA SOCIEDADE EM RELAÇÃO À AUTODETERMINAÇÃO DOS POVOS INDÍGENAS, NÃO SE VISLUMBRA OUTRA MANEIRA PARA SOLUCIONAR OS CONFLITOS AGRÁRIOS QUE OCORREM EM TODO O PAÍS. TEM Q HAVER BOA VONTADE E BOAS INTENÇÕES DE TODOS.
 
NEWTON GALACHE, DE BRASÍLIA/DF em 29/01/2014 09:35:28
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions