ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEXTA  24    CAMPO GRANDE 27º

Interior

Mãe e menina de 11 anos são mortas durante atentado em aldeia

Um adolescente de 12 anos também ficou ferido e motivo do crime seria briga religiosa

Por Ana Paula Chuva | 25/07/2021 11:02
Mulheres forma mortas a tiros e motivação pode ser religiosa. (Foto: Ponta Porã News)
Mulheres forma mortas a tiros e motivação pode ser religiosa. (Foto: Ponta Porã News)

Mãe e menina de 11 anos, que não tiveram a identidade revelada, foram mortas a tiros durante atentado na Aldeia Taquaperi, em Coronel Sapucaia, cidade a 380 km de Campo Grande. Um outro adolescente, 12 anos, foi levado em estado grave para hospital em Dourados. As motivações do crime podem ser religiosas.

Segundo o delegado  Edgard Punsky, o atentado aconteceu por volta das 4 horas deste domingo (25). O pai das crianças foi o único que conseguiu fugir do local e se escondeu, por isso não sofreu nenhum ferimento.

"Estamos com um pouco de dificuldade de ouvi-lo porque ele não fala nada de português, uma liderança indígena está nos ajudando e aparentemente o atentado pode ter motivações religiosas. Já identificamos alguns suspeitos e estamos fazendo diligências", explicou o titular da delegacia de Coronel Sapucaia.

Ao Campo Grande News, ele contou que relatos são de que exista uma briga com uma família de indígenas do Paraguai. Conforme as informações, os paraguaios acreditam que as vítimas mexiam com magia negra e por isso praticaram o crime.

"Para eles essa questão é muito forte. Ainda não temos nada de concreto, mas a princípio a motivação seja religiosa sim. Mas só temos ele como testemunha e o menino que está em Dourados", disse Punsky.

Ainda não se sabe quantos disparos atingiram as vítimas e nem qual a arma usada. Polícia segue investigando o caso.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário