A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 26 de Maio de 2019

21/03/2019 13:42

Mesmo sem chuva, nível no Rio Miranda sobe e alerta é mantido

Hoje, seguem em estado de alerta as cidades de Porto Murtinho, Miranda, Aquidauana e Coxim

Mayara Bueno
Imagem aérea mostra o Rio Miranda nesta quinta-feira. Em cima, a ponte que liga Jardim e Guia Lopes da Laguna.  (Foto: Divulgação).Imagem aérea mostra o Rio Miranda nesta quinta-feira. Em cima, a ponte que liga Jardim e Guia Lopes da Laguna. (Foto: Divulgação).
Nível do Rio Miranda sobe e alaga algumas áreas da zona rural de Jardim. (Foto: Divulgação).Nível do Rio Miranda sobe e alaga algumas áreas da zona rural de Jardim. (Foto: Divulgação).

O Rio Miranda segue em estado de alerta emitido pelo Imasul (Instituto Nacional de Meio Ambiente). Mesmo sem chuva até o começo da tarde desta quinta-feira (dia 21), a área em torno continua alagada e o nível do rio subiu um pouco com a água que desce das cabeceiras.

Segundo o boletim divulgado na tarde de quarta-feira (dia 20), as leituras dos níveis do rio indicam “emergência com potencial para provocar significativos danos materiais e com risco a integridade humana”, nas proximidades do distrito Águas do Miranda, em Bonito.

Hoje, seguem em estado de alerta as cidades de Porto Murtinho, Miranda, Aquidauana e Coxim, de acordo com boletim divulgado pelo Imasul. A imagem acima é do Rio Miranda entre os municípios de Jardim e Guia Lopes da Laguna - que não estão no alerta do Imasul.

Segundo o coordenador da Defesa Civil de Mato Grosso do Sul, Fábio Catarinelli, não há, por enquanto, situações mais graves, como desalojamento de moradores nestes locais.

Ele afirma que o Rio Miranda, próximos às cidades de Miranda e Aquidauana, está sendo monitorado. O nível das águas continua subindo, mas não atingiu a área urbana. Por ser local com históricos de inundações, a situação é monitorada pelas defesas das cidades e também do Estado.

Em Caracol, os danos, segundo o coordenador, está concentrado na área rural. “A Defesa Civil do município está fazendo o levantamento da situação no local”.

Rio da Prata – O nível da água visto da ponte do Curê nesta quinta-feira está 4,5 metros. Ontem, a informação era de 3.06 metros, o que já representava 2,5 m acima do normal.

Na imagem abaixo é possível ver a água no limite do começo da ponte, que é caminho de Jardim para Bonito – que, inclusive, está com passeios suspenso em virtude da cheia no Rio Formoso.

Rio da Prata enche e fica no limite da ponte do Curê. (Foto: Divulgação).Rio da Prata enche e fica no limite da ponte do Curê. (Foto: Divulgação).


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions