ACOMPANHE-NOS    
MAIO, TERÇA  11    CAMPO GRANDE 31º

Interior

Mulher de 22 anos com suspeita de gravidez morreu em acidente na BR-163

Condutor da moto ainda não identificado, foi levado em estado grave para hospital de Coxim

Por Alana Portela e Sidney Assis | 16/04/2021 12:27
Vítima com o corpo encoberto às margens da rodovia onde o acidente aconteceu. (Foto: Sidney Assis)
Vítima com o corpo encoberto às margens da rodovia onde o acidente aconteceu. (Foto: Sidney Assis)

A mulher que morreu na manhã desta sexta-feira (16), após acidente entre picape e moto na BR- 163 foi identificada como Camile Souza. A vítima tinha 22 anos e os socorristas suspeitam que ela poderia estar grávida.

O acidente acontece na madrugada de hoje no KM 791, 50 quilômetros de Sonora, cidade que fica a 364 quilômetros de Campo Grande.

Frente da picape ficou totalmente destruída. (Foto: Sidney Assis)
Frente da picape ficou totalmente destruída. (Foto: Sidney Assis)

Conforme informações apuradas pelo Campo Grande News, a vítima morava em Sonora e estava na garupa da moto Honda CG 125, conduzida pelo namorado, ainda não identificado, quando uma Fiat Toro bateu na traseira da motocicleta.

Após a colisão, a motocicleta foi arrastada por 100 metros e jogada para fora da pista, parando no meio da uma vegetação às margens da rodovia. O piloto da moto ficou gravemente ferido e foi socorrido, e levado para um hospital de Coxim.

Na picape além do motorista de 37 anos, estava a esposa de 30 que também está grávida, e o filho do casal, uma criança de 4 anos.

Eles saíram da cidade de Ariquemes localizada em Rondônia com destino a Maracaju. Apesar de seguir o mesmo sentido do casal que estava na moto, o condutor alegou não ter visto a motocicleta, fato que ocasionou o acidente.

Após o impacto, os veículos saíram da pista e a frente da picape ficou totalmente destruída. A moto ficou jogada às margens da rodovia, enquanto a Fiat Toro parou no meio da vegetação.

Os passageiros que estavam na picape foram levados sem ferimentos para o hospital de Coxim, onde recebem atendimento.

O motorista permaneceu no local até a chegada da perícia, da PRF (Polícia Rodoviária Federal) e da CCR MS Via.

Os peritos do IML (Instituto Médico Legal) de Coxim, Mateus Mandu e Jorge Saraiva estão no local, onde realizam a liberação do corpo de Camile. Apesar da gravidade do acidente, a pista não foi interditada.

Equipe da Polícia Rodoviária Federal na lateral da BR-163, onde o acidente aconteceu. (Foto: PRF)
Equipe da Polícia Rodoviária Federal na lateral da BR-163, onde o acidente aconteceu. (Foto: PRF)


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário