ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, SEGUNDA  26    CAMPO GRANDE 27º

Interior

Polícia fecha “boca” em residencial e enche bolsa com dinheiro e drogas

Casal foi detido por policiais do SIG em casa na região sul de Dourados e levado para delegacia

Helio de Freitas, de Dourados | 31/08/2022 12:05


Policiais civis encheram uma bolsa com droga e dinheiro encontrados em ponto de venda de entorpecentes descoberto na manhã desta quarta-feira (31) em Dourados, a 251 km de Campo Grande. Casal encontrado no local foi levado para a delegacia e pelo menos o homem deve ser autuado em flagrante por tráfico.

As notas de pequeno valor e os sacos de maconha e cocaína encheram a mesa do SIG (Setor de Investigações Gerais), como mostra o vídeo acima.

A “boca” funcionava em uma casa no residencial Itajubá II, localizado próximo ao Trevo da Bandeira, na saída de Dourados para Ponta Porã. No local foram encontrados 25 invólucros contendo 11 quilos de skunk, a chamada “supermaconha”, além de 500 gramas de cocaína, materiais usados para fracionar a droga em porções e centenas de notas de dinheiro, cujo montante ainda não foi contado.

Preso na casa como suspeito de ser o dono da “boca”, Diogo Takeshi Teixeira Morita, 22, tem antecedentes por homicídio. Em 2017, quando ainda era menor de 18 anos, ele foi acusado de matar um cabo do Exército em Dourados. A namorada dele tem 20 anos de idade, mas a polícia ainda não informou se ela será também autuada por tráfico.

Nos siga no Google Notícias