ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 24º

Interior

Presa, mulher diz que matou por apanhar de namorado

Alberto dos Santos, de 44 anos, foi encontrado morto em frente da casa em que morava

Por Aletheya Alves | 26/03/2021 13:10
Boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Iguatemi. (Foto: Divulgação)
Boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Iguatemi. (Foto: Divulgação)

Presa por ter assassinado Alberto dos Santos, de 44 anos, Andreia Lopes Silva, de 37 anos, justificou o crime à polícia dizendo que vinha sofrendo agressões físicas. Alberto foi encontrado morto na madrugada desta quinta-feira (25) em frente à casa em que morava, em Iguatemi - a 466 quilômetros de Campo Grande.

Conforme boletim de ocorrência, a mulher confessou o crime e relatou que foi até o local em que Alberto estava já “decidida a lhe matar”. Ainda de acordo com o registro, Alberto estava em uma casa na mesma rua em que morava com um trio, enquanto ingeriam bebida alcoólica por volta das 2h.

Pouco tempo depois, Andreia chegou até o local e os dois passaram a discutir. Sem finalizar a briga, ambos foram para a rua e a mulher desferiu uma facada na altura da clavícula, do lado esquerdo, de Alberto.

Alberto ainda tentou ir para sua casa, mas não resistiu e acabou morrendo na calçada. O boletim de ocorrência foi registrado como homicídio simples na Delegacia de Polícia Civil de Iguatemi.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário