A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 22 de Maio de 2019

03/03/2019 08:48

Primeira noite de Carnaval em Corumbá leva 9 mil ao desfile dos blocos

Público acompanhou desfiles e festas tradicionais e aproveitou show musical no palco montado na praça Generoso Ponce

Izabela Sanchez
Desfile de escolas de samba em Corumbá durante o sábado (2) (Foto: Gisele Ribeiro)Desfile de escolas de samba em Corumbá durante o sábado (2) (Foto: Gisele Ribeiro)

A primeira noite do tradicional carnaval de Corumbá, a 419 km de Campo Grande, levou 9,1 mil pessoas para conferir o desfile dos blocos, segundo estimativa da Prefeitura da cidade. Entre as atrações conferidas pelo público, houve o desfile dos blocos na Passarela do Samba, com muita animação. São 11 agremiações que integram a Liga Independente dos Blocos Carnavalescos de Corumbá. Além disso, apresentações musicais também animaram o público na praça Generoso Ponce.

Oliveira Somos Nós foi a primeira agremiação na passarela e homenageou os pescadores profissionais, conforme o diário corumbaense. “Que maravilha... eu sou, o pescador. Levanto bem cedinho, faço a minha oração, com chuva ou com sol essa é a minha profissão”, entoou a escola.

Depois, veio o Água da Vila cujo samba consagrou a cidade de Costa Rica. “Encanto do cerrado, dona de fauna e flora exuberantes e cachoeiras caudalosas". O Afro Samba Reaggae desfilou em seguida com um mistura do samba carioca com o reaggae baiano. O tema foi o “circo no carnaval”.

O mais tradicional da cidade, conforme destaca o jornal, o bloco Flor de Abacate simbolizou os 100 anos de trabalho do Lions Clube. “Paz e esperança para um mundo bem melhor; um abraço forte de amor e emoção. Ao Lions Clube entrego a nossa gratidão”, cantaram.

11 agremiações desfilaram em Corumbá no sábado (Foto: Gisele Ribeiro)11 agremiações desfilaram em Corumbá no sábado (Foto: Gisele Ribeiro)

“Quando ela passa a galera se agita. Com a musa, a rainha consagrada na Império, a bateria faz pulsar seu coração na passarela estampada a emoção”, foi o canto do bloco Praia, Bola e Cerveja para exaltar a rainha de bateria Lucila Victório.

O Nação Zumbi foi o sexto a desfilar, com homenagem à Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores do Mato Grosso do Sul) . Entoaram o canto que diz “no carnaval, saúde é primeiro lugar. Cuidar do corpo, cuidar da alma, para a folia brincar”.

O Clube dos Sem, penúltimo a cruzar a passarela, falou sobre as belezas do Pantanal que atraem turistas do mundo inteiro. O tema do bloco Bola Preta foi o “50tão do Bola”. A auto homenagem às bodas de ouro relembrou nomes que marcaram a agremiação.

Em seguida veio o Arthur Marinho. “Sônia Ruas, sua vida, sua arte”, foi o tema. Já na madrugada de domingo (3) Os Intocáveis desfilou com “história e tradição no carnaval corumbaense”, título do samba. O Vitória Régia fechou o desfile dos blocos oficiais. O grupo levou a história da Oficina de Dança, “cultura e tradição” em Corumbá.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions