ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, DOMINGO  01    CAMPO GRANDE 27º

Interior

Procurado por homicídio é executado a tiros na fronteira do Paraguai com MS

Crime ocorreu ontem à noite em Capitán Bado, cidade paraguaia vizinha de Coronel Sapucaia

Por Helio de Freitas, de Dourados | 03/05/2021 11:00
Ronald González, de 29 anos, foi morto ontem na fronteira (Foto: Reprodução)
Ronald González, de 29 anos, foi morto ontem na fronteira (Foto: Reprodução)

Ronald Rodrigo González, 29, foi executado a tiros por volta de 23h deste domingo (3) em Capitán Bado, cidade paraguaia vizinha de Coronel Sapucaia (MS), a 400 km de Campo Grande. Segundo a polícia paraguaia, ele era procurado por assassinato, ocorrido em fevereiro deste ano na fronteira.

O homem estava na casa onde morava no bairro San Miguel quando dois homens chegaram numa moto e o mataram com vários tiros. Os pistoleiros deixaram o local e até agora não há pista sobre a identidade deles.

No conglomerado de casas onde ocorreu o crime, na Rua Oliva, os policiais encontraram três tabletes de maconha. Assim como Pedro Juan Caballero, Capitán Bado é base das quadrilhas de traficantes de drogas da fronteira.

Mesmo sem qualquer pista dos criminosos e do motivo do assassinato, policiais paraguaios suspeitam de ligação de Ronald com o submundo do crime organizado. Não foram divulgados detalhes do assassinato que ele teria cometido, em fevereiro.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário