ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEGUNDA  27    CAMPO GRANDE 31º

Interior

Quatro homens são presos por morte de casal em atentado no Paraguai

Por Nyelder Rodrigues | 12/01/2017 20:31
Quarteto foi preso em Pedro Juan Caballero (Foto: Direto das Ruas)
Quarteto foi preso em Pedro Juan Caballero (Foto: Direto das Ruas)

A Polícia Nacional paraguaia prendeu nesta quinta-feira (12) quatro brasileiros suspeitos de terem matado Pablo Jacques, de 41 anos, e a namorada Milena Soares Bandeira, de 26, em um atentado cometido em Assunção (PAR) no dia 2 deste mês. Jacques era "homem forte" do narcotraficante Jarvis Pavão.

Segundo o jornal paraguaio ABC Color, os detidos são brasileiros e foram identificados como Leandro Lucas de Oliveira dos Santos, Luis Sequeira, Janderson Lucas, Gabriel Ferreira Santos e Peterson Cacenote de Souza. A prisão aconteceu em Pedro Juan Caballero, que faz fronteira com o Brasil e é vizinha à Ponta Porã.

Eles estavam em uma casa no bairro Guaraní, no cruzamento das ruas Brasil e Manuel Dominguez. Dezenas de policiais participaram da ação que resultou na prisão do quarteto. O caso segue sendo apurado pela polícia paraguaia, que ainda não informou se sabe quais os motivos do crime.

O crime - Pablo, Milena, que era douradense e cursava Medicina, foram mortos ao serem alvejadas por vários tiros em um emboscada. Eles estavam em uma camionete Toyota Hilux com a irmã de Milena, que sobreviveu pois estava no banco traseiro.

Os pistoleiros estavam divididos em dois veículos, segundo testemunhas. Eles atiraram contra a caminhonete por ao menos duas quadras, até que o motorista ferido perdeu controle da direção e bateu contra uma casa.

Os suspeitos então se aproximaram e um deles efetuou mais disparos contra as vítimas. Foram contados pelo menos 30 marcas de tiro na lataria da Hilux. A irmã de Milena já retornou para casa e passa bem.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário