ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, SÁBADO  19    CAMPO GRANDE 17º

Interior

Salvo pela mãe atropelada, tamanduá filhote é resgatado

Na rodovia, o animal estava agarrado ao dorso da mãe já morta na BR-359

Por Lucia Morel | 11/05/2021 18:19
Sobrevivente, filhote deve retornar à natureza. (Foto: Divulgação PMA)
Sobrevivente, filhote deve retornar à natureza. (Foto: Divulgação PMA)

Agarrado ao dorso da mãe atropelada em rodovia em Mato Grosso do Sul, filhote de tamanduá-bandeira foi resgatado ontem à noite em Coxim. O resgate ocorreu às margens da rodovia BR-359, a 20 km da cidade, nas proximidades do distrito de Silviolândia.

Segundo a PMA (Polícia Militar Ambiental) no dorso, é a forma que a tamanduá carrega seus filhotes e, por isso, talvez o filhote tenha escapado da morte. É provável que no atropelamento a mãe tenha "voado", mas o pequeno ficou a salvo.

Sem ferimentos, o filhote foi alimentado, hidratado e encaminhado ao CRAS (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres), em Campo Grande para a possível reintrodução na natureza.

Há um mês, no dia 9 de abril, mas em Bonito, outro filhote de tamanduá-bandeira foi resgatado à margem da rodovia MS-382, nas mesmas condições.

A orientação da PMA nos casos de atropelamento de animais é parar o veículo em local seguro e com segurança, verificar se o animal está morto. Se não estiver, é necessário efetuar o socorro.

Caso esteja morto, deve-se retirar o animal da pista de rolamento e leva-lo ao acostamento, para evitar algum acidente.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário