ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, QUARTA  17    CAMPO GRANDE 23º

Interior

Segundo maior PIB do Estado, Três Lagoas comemora 107 anos de história

Município, conhecido como "Capital Nacional da Celulose", tem população estimada de 125.137 pessoas

Por Idaicy Solano | 15/06/2022 06:22
Vista aérea das três lagoas que dão nome ao município. (Foto: Divulgação)
Vista aérea das três lagoas que dão nome ao município. (Foto: Divulgação)

Distante 338 km de Campo Grande, Três Lagoas comemora aniversário de 107 anos nesta quarta-feira (15). O município tem população estimada de 125.137 pessoas e se destaca por ser o segundo maior PIB (Produto Interno Bruto) do Estado, segundo o censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

As principais atividades econômicas da cidade são a pecuária, indústria e turismo, com destaque para as silvicultura e celulose. Quem passa pelo município, não pode deixar de visitar alguns dos seus patrimônios históricos: a Igreja de Santo Antônio, a Catedral do Sagrado Coração de Jesus, o Cemitério do Soldado, um jazigo erguido em homenagem ao soldado José Carvalho de Lima, morto em episódio do Tenentismo de 1924 e a Estação Ferroviária da Novoeste (antiga Estrada de Ferro Noroeste do Brasil).

Os principais atrativos turísticos são: o Jupiá, às margens do rio Paraná, para aqueles que gostam de pescaria. As praias de areias brancas do Rio Sucuriú, onde está localizado o Balneário Municipal. Jatobá, árvore tombada como patrimônio público em Mato Grosso do Sul, por Lúcio Queirós Moreira.

Está previsto para hoje um desfile-cívico às 7h, hasteamento do pavilhão nacional às 8h, e show de acrobacias com motos do grupo Jacaré do Brejo às 19h. A equipe volta a se apresentar no mesmo horário na quinta-feira. As festividades se encerram na sexta-feira com rodeio e show da dupla Guilherme e Benuto.

Cultivo de eucalipto em propriedade rural de MS; Eldorado tem 250 mil hectares de florestas plantadas no Estado. (Foto: Divulgação)
Cultivo de eucalipto em propriedade rural de MS; Eldorado tem 250 mil hectares de florestas plantadas no Estado. (Foto: Divulgação)

Capital Nacional da Celulose – O município da indústria e do trabalho, situado em Mato Grosso do Sul, estado com economia historicamente de base agropecuária, agora possui relevância mundial no setor de base florestal para a produção de celulose branqueada de eucalipto.

Uma das empresas instaladas na cidade é a Eldorado Brasil Celulose, que possui mais de 250 mil hectares de florestas plantadas no Estado, outros 116 mil hectares de áreas conservadas e uma fábrica, com capacidade para produzir 1,8 milhão de toneladas de celulose por ano.

Fábrica de celulose em Três Lagoas; unidade tem capacidade para produzir 1,8 milhão de toneladas por ano do produto. (Foto: Divulgação)
Fábrica de celulose em Três Lagoas; unidade tem capacidade para produzir 1,8 milhão de toneladas por ano do produto. (Foto: Divulgação)

“A localização geográfica de Três Lagoas, às margens do rio Paraná, na divisa com o Estado de São Paulo, somado ao potencial hídrico, energético, topografia e clima que favorecem a produção florestal, possibilitaram que a cidade recebesse fortes investimentos do setor e tornassem a cidade a Capital Nacional da Celulose”, cita Elcio Trajano Jr, diretor de Recursos Humanos, Sustentabilidade e Comunicação Interna da Eldorado Brasil.

Três Lagoas é exemplo de desenvolvimento na indústria de celulose e na silvicultura, setores que impulsionam a economia local, diversificando a matriz agrícola e promovendo geração de renda. Entre as atividades industriais que mais abriram vagas em 2021 no estado, a fabricação de celulose (+1.221), fica na segunda colocação, logo atrás de construção de edifícios (+1.384), segundo dados da FIEMS - Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul.

Nos siga no Google Notícias