A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 20 de Novembro de 2017

31/01/2011 15:21

Justiça manda indenizar viúva de homem que morreu após cirurgia simples

Marta Ferreira

Vítima foi tirar pedra dos rins e teve intestino perfurado

A Justiça Estadual manteve, em decisão da semana passada, determinação contra a Prefeitura de Naviraí de pagamento de indenização de 110 mil reais e pensão à viúva de um homem que morreu em 2006, após dar entrada Hospital Municipal de Naviraí para uma cirurgia simples, de retirada de pedra nos rins.

Segundo o processo, a vítima, Ariovaldo Paísca da Fonseca, teve o intestino perfurado durante a operação e acabou morrendo em consequência de septicemia, depois de ser transferido para Dourados.

Na primeira instância, a Prefeitura foi condenada a pagar 100 salários mínimos de indenização por danos morais, o equivalente a R$ 54 mil, e R$ 2 mil por danos materiais, além de um 1,13 salário mínimo de pensão à viúva até que a data em que o marido falecido completasse 69 anos.

A Prefeitura recorreu, alegando, em entre outras coisas, que a morte não foi provocada por erro médico, pois o paciente já teria problema anterior.

No Tribunal de Justiça, a Quarta Turma Cível alterou para mais o valor da indenização por danos morais, passando a 200 salários mínimos, R$ 108 mil. O valor da pensão foi reduzido em um terço e a indenização por danos materiais foi mantida.

Idoso tenta salvar esposa das mãos de bandido e acaba ferido a tiros
Um idoso de 86 anos ficou ferido depois de ser atingido por um disparo de arma de fogo durante uma tentativa de assalto, na tarde de ontem (19), em M...
Durante abordagem, passageiro de ônibus finge passar mal e foge
Passageiro de ônibus fingiu passar mal para fugir da polícia, neste domingo (19), deixando para trás mala com maconha e os próprios documentos em Dou...


Parabens para a justiça, as falhas medicas são uma realidade no Brasil, profissionais despreparado, ou sem compromisso etico, alem de salarios baixos. O orgão publico sempre contrata o profissional que aceita salario que não condiz com a realidade atual. Os prefeitos tinham que ser juntamente com os medicos responsabilizados, pois dinheiro existe o que falta e compromisso com o povo.
 
RONALDO PENEDO em 01/02/2011 06:56:09
parabens ao tj sao poucos os medicos q cometem erros e que pagam por isso,luto na justiça a quase oito anos e ainda nada foi feito é lento mas funciona .
 
edilene mascarenhas e silva em 31/01/2011 10:02:14
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions