A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 12 de Novembro de 2018

16/07/2009 16:49

Juíza manda soltar funcionário de Uemura após nove dias

Redação

A juíza da 1ª Vara Criminal de Dourados, Dileta Terezinha Souza Thomaz, concedeu o alvará de soltura a Ernani Roberto de Assis, o Polaco, funcionário do empresário Sizuo Uemura. A decisão foi concedida nesta quinta-feira, nove dias após ele ser preso na Operação Owari, da Polícia Federal, que resultou na detenção de 42 pessoas.

Segundo a magistrada, Polaco foi detido com várias armas de fogo e munições de uso permitido e restrito. Ele foi um dos quatro, junto com o patrão, Sizuo Uemura e os seus filhos, Eduardo e Sizuo Uemura Júnior, a ter a prisão preventiva decretada pela Justiça. O habeas corpus foi concedido nesta semana pelo desembargador Claudionor Miguel Abss Duarte.

De acordo com Dileta Thomaz, um dos fatores a favor do relaxamento da prisão é a anistia, concedida pelo Governo federal, até dezembro deste ano para quem tiver posse de arma de fogo e devolve-la à PF.

Polaco também foi indiciado por participar do suposto esquema de corrupção liderado por Uemura, como fraudar licitações públicas, corromper servidores públicos e agiotagem, entre outros crimes.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions