A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

30/09/2011 19:35

Justiça do Trabalho nega liminar e mantém greve dos Correios

Paulo Fernandes

O TST (Tribunal Superior do Trabalho) negou o pedido de liminar (decisão provisória) para suspender imediatamente a greve dos funcionários dos Correios.

A decisão em relação ao pedido feito pela ECT (Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos) é da ministra Cristina Peduzzi.

Em Mato Grosso do Sul, cerca de 400 trabalhadores estão com os braços cruzados.

Cristina Peduzzi também agendou, para terça-feira (4), uma audiência de conciliação entre Correios e a Fentect (Federação Nacional dos Trabalhadores de Correios, Telégrafos e Similares).

A audiência de conciliação é uma etapa obrigatória do dissídio coletivo em que as partes, mediadas pelo TST, tentam chegar a um acordo.

Segundo o site governamental Agência Brasil, a direção dos Correios considera a paralisação abusiva.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions