A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

28/06/2012 11:54

Justiça veta pedido de Beira-Mar para fazer curso via internet em MS

Aline dos Santos

Entre 2007 e 2010, o traficante cumpriu pena no presídio federal de Campo Grande

Beira-Mar quer fazer curso de gestão financeira. (Foto: Marcelo Victor/Arquivo)Beira-Mar quer fazer curso de gestão financeira. (Foto: Marcelo Victor/Arquivo)

O traficante Luiz Fernando Costa, o Fernandinho Beira-Mar, foi proibido pela Justiça de ter acesso à internet para fazer à distância o curso de gestão financeira da UCDB (Universidade Católica Dom Bosco).

Ele cumpre pena no presídio federal de segurança máxima de Porto Velho (Rondônia) e formulou pedido para ter acesso à internet por três horas por semana, durante dois anos. Por unanimidade, o pedido foi negado pelo TRF 3 (Tribunal Regional Federal da 3ª Região).

A defesa do traficante alegou que o preso tem direito ao ensino dentro da penitenciária e que a educação contribui para a ressocialização do condenado. Os advogados cobravam das autoridades a criação de meios para que Beira-Mar tivesse acesso à rede. O pedido já havia sido indeferido pela 5ª Vara Federal de Campo Grande. Entre 2007 e 2010, o traficante cumpriu pena no presídio federal da Capital.

No parecer, a PRR 3 (Procuradoria Regional da República da 3ª Região) destacou que “o acesso dos presos de alta periculosidade à internet é completamente inviável, tendo em vista as próprias condições do regime que cumprem a pena, em presídio de segurança máxima. O acesso à internet permitiria que o preso se comunicasse livremente com qualquer pessoa, possibilitando que continue a comandar a organização criminosa e determinar o cometimento de toda sorte de delitos”.

Como alternativa, a Procuradoria propôs aos advogados que solicitassem à instituição de ensino a gravação das aulas.

Em Campo Grande, Beira-Mar comandava tráfico com bilhetinhos
Quando estava no Presídio Federal de Campo Grande, o traficante Fernandinho Beira-Mar comandava o tráfico por meio de bilhetinhos.A polícia acredita ...
Beira-Mar e mais 41 presos irão fazer Enem em janeiro
O narcotraficante Luís Fernando da Costa, o Beira-Mar, e mais 41 detentos da Penitenciária Federal de Campo Grande vão fazer o Enem (Exame Nacional d...


DEVERIA CONVOCAR ELE PARA DAR AULA A POLICIAIS POIS ELE E PHD EM BANDIDAGEM..... pra que estudar se nunca vai ser util a sociedade,, tinha que jogalo em alto mar e deixar que ele nade se conseguir sair do outro lado esta livre, mas por favor joguem bem longe perto do polo norte ou sul..
 
mateus costa em 28/06/2012 06:11:40
Gestao financeira???melhor seria assistencia social.Que pais é esse.
 
marcos souza em 28/06/2012 02:42:13
O coitadinho do Beira Mar quer fazer o curso de gestão financeira. Talvez seja para administrar melhor seus negócios com venda de drogas, contrabando de armas, ou outras coisas sujas.
Fez bem a justiça em negar tal pedido. Do Beira Mar, não se espera nada que preste. Aliás não sei porque o cara ainda não foi prestar contas ao Diabo.
 
VALDIR VILLA NOVA em 28/06/2012 01:18:28
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions