A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

03/09/2009 21:30

MEC proíbe vestibular e corta vagas em cursos ruins

Redação

Medida que será publicada na edição de amanhã do Diário Oficial da União prevê uma séria de punições que vão da suspensão do vestibular ao corte de vagas para os cursos e instituições de ensino que não tiverem nota satisfatória na avaliação do MEC (Ministério da Educação).

Bastarão duas avaliações insatisfatórias para que o MEC aplique as sanções. A qualidade dos cursos de graduação é avaliada primeiramente pelo Conceito Preliminar de Curso, que vai de 1 a 5. Os cursos que obtêm nota 1 ou 2, consideradas insatisfatórias, recebem visita de comissões do MEC.

Se a segunda avaliação confirmar um Conceito de Curso baixo, as medidas cautelares serão aplicadas.

Além das medidas tomadas com base na avaliação dos cursos, o MEC também vai arquivar 336 pedidos de abertura de cursos em instituições que registraram resultado insatisfatório no Índice Geral de Cursos de 2008, divulgado na última segunda-feira.

Alguns cursos já estão impedidos pelo MEC de receber novos alunos. Nenhum deles em Mato Grosso do Sul. A lista tem o curso de Serviço Social da Faculdades Integradas Espírita (PR); o de Zootecnia, também da Faculdades Integradas Espírita (PR); o de Farmácia do Centro Universitário de Várzea Grande (MT); Fisioterapia da Faculdades de Ciências Médicas e Paramédicas Fluminense (RJ); e Educação Física do Centro Regional Universitário de Espírito Santo do Pinhal (SP).

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions