A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

04/12/2008 11:21

MS registra quase um divórcio a cada dois casamentos

Redação

Diante de uma taxa crescente de rompimentos entre casais no País, Mato Grosso do Sul ainda leva o título de um dos recordistas em uniões dissolvidas. Enquanto a média de separações e divórcios é de um em cada quatro casamentos no Brasil, aqui no Estado, a proporção é de 1 rompimento a cada 2,4 uniões.

Enquanto o Estado registrou 13.055 casamentos em 2007, 5.359 separações e divórcios. Os dados são da Pesquisa Estatísticas do Registro Civil, referentes ao ano passado, divulgada hoje pelo IBGE.

Em Campo Grande, a proporção é ainda maior, uma dissolução a cada 2,1 casamento. Foram 6.099 uniões em 2007 e 2.777 separações e divórcios. Mas a Capital perdeu a liderança nesse quesito. Agora o título fica com Belo Horizonte, onde a proporção de separações e divórcios em relação as uniões é de 46,2%

Em 1984 a proporção no Brasil era de 0,46% de divórcios por mil habitantes. No ano passado o índice foi 200% maior, atingindo 1,49 divórcios por mil. Em contrapartida, o número de casamentos realizados no País vem crescendo desde 2003 atingindo 916 mil no ano passado.

No que diz respeito à natureza das separações, no Estado, a maioria ainda é consensual, com 77,5% dos matrimônios dissolvidos sem brigas judiciais.

Segundo os técnicos que coordenaram a pesquisa, o aumento do número de divórcios pode ser explicado por dois fatores principais: mudança de comportamento na sociedade brasileira e criação da Lei 11.441, de janeiro de 2007, que desburocratizou os procedimentos de separações e de divórcios consensuais, permitindo aos cônjuges dissolver o casamento, por meio de escritura pública, em qualquer tabelionato do país.

As Estatísticas do Registro Civil também indicam que os homens casam pelo primeira vez, em média, aos 29 anos e as mulheres, aos 26 anos.

O estudo destaca ainda que as mulheres que têm a guarda de filhos menores representavam, em 2007, 89,1% dos casais divorciados. Esse elevado percentual de responsabilidade para com a guarda de filhos menores é um dos fatores que explica o maior número de homens divorciados que voltam a se casar com mulheres solteiras, segundo a pesquisa.

Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions