A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

18/03/2010 21:57

Nove pescadores são detidos com 1 t de pescado pela PMA

Redação

Ação conjunta da PMA (Polícia Militar Ambiental) de Coxim e Campo Grande, com duração de sete dias, foi encerrada hoje com a apreensão de 1.037 quilos de pescado e prisão de 9 pescadores.

Ontem à tarde, os policiais apreenderam 700 quilos de pescado na peixaria pertencente a Jadir Meneghetti. Ele havia comprado os peixes capturados com petrechos proibidos dos pescadores José Firmino Nogueira e João Aparecido de Souza, residentes em Coxim.

Diante disso, o pescado foi apreendido e encaminhado, juntamente com os proprietários da peixaria à Delegacia de Polícia Civil. Cada um dos pescadores recebeu multa de R$ 14,4 mil, enquanto a peixaria foi multada R$ 24 mil.

Os policias também prenderam mais seis pescadores que praticavam pesca predatória nos rios Taquari e Coxim e autuaram três pescadores amadores por pescar sem licença.

Paulo Barbosa de Oliveira e Anderson Frares, moradores em Coxim, foram autuados por pescar espécies com tamanhos inferiores ao permitido e com petrechos proibidos (tarrafa e anzóis de galho). Com eles foram apreendidos uma tarrafa, 30 anzóis de galho, um motor de popa, um barco e dois quilos de pescado. Cada autuado recebeu multa de R$ 1.100,00.

Luiz Alberto da Silva foi preso por ter capturado pescado acima da cota permitida pela legislação. Ele pescou 80 quilos de peixe, não obedecendo a cota para pescador amador que é de 10 quilos mais um exemplar e cinco exemplares de piranha.

Com Luiz também foram apreendidos um barco, um motor de popa, um molinete e uma caixa de pesca. Ele foi multado em R$ 2,3 mil.

Adil Barbosa foi detido por pescar 150 quilos de peixe. Com ele foram apreendidos duas tarrafas, um barco, um motor de popa, 41 anzóis de galho e dez bóias. Ele foi multado em R$ 3,7 mil.

Já Delmar Arthur Ehrhardt e Nilson José Ehrhardt, pescadores profissionais, foram presos pela pesca de 105 quilos de pescado. Em seu poder a PMA apreendeu uma chalana, um motor de popa, 15 anzóis de galho, duas tarrafas e quatro bóias. Cada autuado foi multado em R$ 2,7 mil.

Todos os autuados responderão por crime ambiental e, se condenados, poderão pegar pena de um a três anos de detenção.

Vandeir de Oliveira costa, Orlando Ferreira Garces e Bruno Garces Passinho foram autuados administrativamente por pescar sem licença. Cada um foi multado em R$ 700. Com eles foram apreendidos dois motores de popa, dois barcos, cinco linhadas de mão, dois caniços e duas fisgas.

Termina na 4ª feira prazo para adotar cartinha e ajudar Papai Noel dos Correios
Termina na próxima quarta-feira (dia 13) o prazo para quem quiser adotar uma cartinha do projeto Papai Noel dos Correios. Os interessados devem compa...
Câmara de Vereadores entrega meio milhão de reais em emendas parlamentares
A Câmara Municipal de Costa Rica, a 305 quilômetros de Campo Grande, realiza nesta segunda-feira (dia 11) três sessões, duas delas especiais. Às 14h ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions