A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

23/02/2016 19:10

Número de notificações no país cresce, mas MS mantém um caso confirmado

Flávia Lima

Boletim divulgado nesta terça-feira (23) pelo Ministério da Saúde aponta que o número de casos suspeitos de microcefalia sob investigação no país totalizam 4.107. Semana passada o número era de 3.935. No entanto, em Mato Grosso do Sul, o número mantém-se, com um caso foi confirmado, cinco ainda sob investigação e outros cinco descartados, totalizando 11 notificações entre 2015 e 20 de fevereiro deste ano. 

Com esses dados, Mato Grosso do Sul configura entre os 14 estados que apresentam um ou nenhum caso confirmado.  O boletim aponta, ainda, que 950 notificações já foram descartadas e 583 confirmadas para microcefalia e outras alterações do sistema nervoso, sugestivos de infecção congênita.

Os casos confirmados ocorreram em 235 municípios, localizados em 16 estados. Além de Mato Groso do Sul, também há confirmações em Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Rondônia, Espírito Santo, Goiás, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Goiás, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. Já os 950 casos foram descartados por apresentarem exames normais, ou apresentarem microcefalias ou alterações no sistema nervoso central por causas não infeciosas.

Amapá e Amazonas ainda são os únicos estados da federação que não tem nenhum registro de casos. O Ministério da Saúde está investigando todos os casos de microcefalia e outras alterações do sistema nervoso central, informados pelos estados e a possível relação com o vírus Zika e outras infecções congênitas.

A doença pode ter como causa diversos agentes infecciosos além do zika, como sífilis, toxoplasmose, rubéola, citomegalovírus e herpes viral.

Os 4.107 casos em investigação representam 72,8% do total acumulado de 5.640 casos notificados desde o início das investigações em 22 de outubro de 2015 até 20 de fevereiro de 2016. O total notificado está distribuído em 1.101 municípios de 25 unidades da federação. 

A circulação autóctone do vírus zika é confirmada em 22 estados. Além de Mato Grosso do Sul, configuram na lista, Goiás, Minas Gerais, Distrito Federal, Roraima, Amazonas, Pará, Rondônia, Mato Grosso, Tocantins, Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Paraná.

MS tem cinco casos suspeitos de microcefalia, com uma confirmação
Novo boletim do Ministério da Saúde, divulgado nesta sexta-feira (12), aponta que cinco casos suspeitos de microcefalia estão sendo investigados em M...
EUA encontram vírus Zika em tecido de bebês mortos no Brasil com microcefalia
O Centro de Controle de Doenças dos Estados Unidos (CDC, na sigla em inglês) conseguiu identificar o vírus Zika em amostras de tecido de dois bebês c...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions