A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

10/02/2009 17:26

Prefeitura tem até maio para nomear guardas municipais

Redação

O impasse em relação a demora na substituição de guardas municipais contratados sem concurso por servidores concursados começa a ser resolvido em Campo Grande. Em reunião nesta terça-feira na Procuradoria Regional do Trabalho, o procurador do Município, Marcelino Pereira dos Santos, e o Secretário Municipal de Administração, Jorge Martins, definiram como será essa transição.

A prefeitura assinou acordo com o Ministério Público do Trabalho e

Ministério Público do Estado para nomeação de 314 candidatos, aprovados e que concluíram no dia 30 de janeiro o curso de formação. A convocação deve ocorrer até o dia de até o dia 30 de maio, com tolerância máxima até o dia 29 de junho."A convocação será gradativa, não serão chamados de uma só vez, provavelmente atéw junho", explica o secretário Jorge Martins.

O grupo passou no primeiro e único concurso público realizado para a Guarda Municipal de Campo Grande, realizado em março do ano passado, e uma nova seleção deve ser convocada neste ano. Atualmente 676 policiais civis, militares e bombeiros aposentados desempenham a função, que serão afastados de acordo com as convocações.

Concurso - Segundo a Procuradoria Regional do Trabalho, também foi assumido o compromisso de realização de novo concurso com a abertura de 2.8 mil vagas, 1488 para convocação ainda neste ano e o restante para reserva.

Mas o secretário de Administração nega esses números. "Ainda vai ser feito estudo sobre a necessidade da Capital, mas a previsão é de contratar mais 600, além dos que trabalham hoje", diz Martins.

O decreto autorizando o processo de seleção tem de ser publicado até o dia 2 de março e a conclusão de todo o processo, com a convocação dos novos guardas, até o dia 30 de setembro de 2009, com tolerância até 31 de dezembro

"O objetivo é que no dia 31 de dezembro de 2009 não haja mais qualquer Guarda Civil prestando serviços sem ter sido aprovado em concurso público", informa a assessoria da Procuradoria Regional do Trabalho.

Para conclusão do processo de concurso de 2008, só falta a divulgação do resultado pela Academia da Polícia Civil. Os servidores ficarão responsáveis pela segurança em prédios e bens públicos municipais.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions