A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

21/09/2009 15:17

Procurador vê intolerância étnica contra índios

Redação

O procurador da República em Dourados, Marco Antonio Delfino de Almeida, chamou de "agressão racial" o ataque às 15 famílias indígenas acampadas na região do Curral de Arame, próximo à BR-463, no município de Dourados. Na madrugada de sexta-feira, homens armados teriam invadido o acampamento atirando para todos os lados. Pelo menos um índio foi ferido com um tiro na perna. Um barraco foi queimado e outros índios agredidos.

"O que aconteceu não foi uma mera agressão, foi uma agressão racial, uma clara demonstração de intolerância étnica", afirmou o procurador. Ele instaurou inquérito para investigar o caso.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions