A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

24/06/2010 14:10

Receita apreende produtos do Paraguai em salões nobres

Redação

Operação deflagrada pela Receita Federal nesta manhã resultou na apreensão de xampus, tinturas de cabelo e até ar-condicionado em salões da Capital. Os produtos eram oriundos do Paraguai e não tinham nota fiscal que comprovasse a tributação de impostos. A Polícia Federal deu apoio aos trabalhos.

No Jardim dos Estados, vários salões tradicionais foram fiscalizados e tiveram mercadorias apreendidas. Os proprietários ainda não conseguiram contabilizar os prejuízos.

Dono de um salão na esquina da rua Antônio Maria Coelho com a Rio Grande do Sul, o cabeleireiro Ronaldo César Pinheiro Martins, de 45 anos, conta que ao ver os policiais e fiscais da Receita, ele pensou que alguém tivesse denunciado seu estabelecimento, mas depois soube que se tratava de uma operação.

O cabeleireiro avalia que a ação foi discriminatória, e justifica que adquire produtos sem pagar impostos para cobrar mais barato das clientes. "Se a gente compra um produto no Paraguai é justamente para ter um preço de mercado mais acessível", justifica.

Do salão dele, foram levadas tinturas, descolorantes, xampus e produtos de lavagem. Ele conta que tem 24h para apresentar notas fiscais e reaver os produtos, mas irá calcular o prejuízo para saber se vale a pena tentar recuperar o que foi apreendido.

Flávia Suzane, de 20 anos, funcionária de um salão na rua Paraíba, conta que a fiscalização chegou às 11 horas de hoje, mas levou poucos produtos porque o estabelecimento prefere trabalhar com produtos nacionais.

O balanço da operação será divulgado pela Receita Federal apenas ao final dos trabalhos.

MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
Presos da penitenciária federal da Capital são julgados por crime em RN
Um preso custodiado no presídio federal de Campo Grande foi julgado, ao lado de outros três homens, na quinta-feira (14) e nessa sexta-feira (15) por...
Governo Federal reduz período do horário de verão para 2018/19
O presidente Michel Temer assinou hoje (15) um decreto reduzindo em duas semanas o horário de verão em 2018. No ano que vem, a medida começará a vale...
Inscrições para o Vestibular 2018 da UFMS seguem abertas
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions