A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

20/03/2008 11:05

Risco foi comunicado 5 horas antes de acidente com trem

Redação

O desmoronamento do aterro sob os trilhos no quilômetro 615 da linha férrea, em Água Clara, foi informado à polícia e registrado em boletim de ocorrência cinco horas antes de uma composição com 59 vagões desabar no trecho, causando o soterramento de dois funcionários da ALL (América Latina Logística). A informação é de moradores da região, confirmada pelo Corpo de Bombeiros.

No local do acidente, a cerca de 10 quilômetros da entrada para Água Clara, o trabalho para resgatar os trabalhadores é árduo e as esperanças de que haja sobrevivente pequena. Sob chuva, parentes acompanham a ação de 10 homens do Corpo de Bombeiros e cerca de 60 funcionários da ALL deslocados ao local, segundo o diretor de Operações, Roberto Monteiro, que saiu de Curitiba (PR).

Foram soterrados o maquinista Husten Martins, de 26 anos e o operador de produção Walker Félix, 31 anos. Os trabalhos devem se estender ao longo do dia, por isso chegaram no local alimentos para os envolvidos no resgate.

Risco anunciado

STF tem maioria a favor de delação negociada pela Polícia Federal
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (13) maioria para manter a autorização legal para que a Polícia Federal (PF) possa negociar delações pre...
UFGD oferece vagas em 36 cursos de graduação pelo Sisu
A UFGD (Universidade da Grande Dourados) está ofertando 944 vagas em 36 cursos de graduação para o Sisu (Sistema de Seleção Unificada). As inscrições...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions