A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 19 de Agosto de 2019

21/10/2009 11:00

Segurança aciona CNJ para resolver conflito com índios

Redação

Durante a terceira reunião das últimas 24 horas, representantes do governo do Estado, do Ministério Público e de produtores rurais decidiram que vão acionar o CNJ (Conselho Nacional de Justiça) na tentativa de solucionar o impasse com índios que desde sábado ocupam três fazendas na região de Sidrolândia.

Segundo o secretário de Segurança Pública, Wantuir Jacini, depois da conversa desta manhã, na sede da Polícia Federal, ficou acertado o envio do mesmo documento que irá ao CNJ também ao TRF3 (Tribunal Regional Federal), relatando a situação de conflito em Mato Grosso do Sul e pedindo celeridade para audiência sobre a situação envolvendo indígenas do município.

A Famasul vai alugar um ônibus para levara representantes das aldeias e caciques que ainda persistem com a invasão nas fazendas 3R, Querência e Cambará.

O advogado Newley Amarilla, que representa os donos da Querência, também participou da reunião nesta manhã.

Ele informou que deve entrar hoje com pedido de reintegração de posse da propriedade.

Também ficou definido que Sejusp e a Polícia Federal vão "cumprir qualquer determinação judicial", diz Jacini. O que, segundo ele, significa "providencias de Polícia" para garantir o respeito ao que a Justiça decidir.

Segundo ele, a Cigcoe, grupo de elite da Polícia Militar, deixou a região hoje, por não haver mais "motivos para continuar lá".

Sobre o incidente de ontem, quando PMs entraram em uma das áreas invadidas, mesmo sendo responsabilidade da PF, Jacini disse que a ação ocorreu porque Índios faziam "barreiras em estradas vicinais e porque fazendeiros pediram proteção".

As lideranças pediram que os policiais entregassem armas e viaturas, mas os PMs revidaram com bala de borracha e gás de efeito moral. Um índio ficou ferido no confronto e foi levado ao hospital.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions