A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

28/06/2008 13:36

Suposto pistoleiro de Beira-Mar está no presídio federal

Redação

O servidor público estadual Alberto Aparecido Roberto Nogueira, o Betão, já está no Presídio Federal de Campo Grande, conforme informações da Polícia Federal de Ponta Porã. Ele foi trazido sob escolta e o horário mantido sob sigilo, para evitar qualquer tentativa de resgate.

Betão é apontado como pistoleiro do traficante Fernandinho Beira-Mar, que também está no presídio federal. Ele foi preso, junto com o policial civil Wladermirson Daniel Olmedo e o policial militar Wilson Figueiredo, ambos de Campo Grande,por agentes da Senad (Secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai), em Pedro Juan Caballero.

Na casa em que estavam havia um arsenal, incluindo até mira telescopia e silenciador, além de armas de grosso calibre. Os policiais vão responder processo no paraguai.

Betão é tido como homem-forte de Beira Mar e na fronteira estaria envolvido com execuções que têm ocorrido na região. Já no Brasil são dois crimes com envolvimento do servidor: o assassinato do policial militar Hudman Ortiz e o baleamento do irmão dele, em 2003, e a morte, em 2004, do empresário Antônio Ribeiro Filho, de 63 anos, no Guarujá (SP), que teve outros policiais do Estado apontados como envolvidos.

Ele ainda é funcionário do fisco estadual e no dia 30 de maio o governo publicou no Diário Oficial um expediente convocando ele para comparecer ao trabalho, sob pena de processo administrativo por abandono de emprego.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions