A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

15/05/2014 10:03

Vacinação contra a gripe não atinge 50% do público alvo no Estado

Aliny Mary Dias
Campanha em Campo Grande está prevista para terminar amanhã (15) (Foto: Marcos Ermínio)Campanha em Campo Grande está prevista para terminar amanhã (15) (Foto: Marcos Ermínio)

Programada para ser encerrada na última sexta-feira (9) e prorrogada pela baixa cobertura, a campanha de imunização contra a Gripe A imunizou 47,18% da meta de 574,7 mil doses em Mato Grosso do Sul. A orientação do Ministério da Saúde é que as cidades só encerrem a campanha quando atingirem 80% da meta, mas na Capital a expectativa é que a ação termine amanhã (16).

Os dados do Sistema de Informação do PNI (Programa Nacional de Imunizações) apontam que 271.192 mil pessoas que compõem os grupos de risco da campanha foram vacinadas no Estado. Na semana passada, antes de decisão de prorrogar a ação, haviam sido aplicadas 206.086 mil doses. Com o aumento, a cobertura vacinal passou de 35,78% para os 47,18% divulgados até esta quinta-feira (15).

Em Corumbá, distante 444 quilômetros da Capital e cidade onde três pessoas morreram vítimas da doença, a imunização saltou de 42,63% da semana passada para 64,74%. Na cidade foram aplicadas 14,7 mil doses de uma meta de 22.845 mil pessoas.

A cidade do Estado com maior cobertura vacinal até agora, segundo o Ministério da Saúde, é Bandeirantes, distante 70 quilômetros de Campo Grande, com 98,97% do público de risco vacinado.

Campo Grande – Os dados da Capital não estão atualizados e o último balanço divulgado pela Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública) aponta que 86 mil pessoas foram vacinadas na cidade, o equivalente a 52%.

Os números disponíveis no PNI, segundo o setor de imunização da Capital, só serão atualizados após o fim da campanha, programado para amanhã. Conforme a assessoria de comunicação da SES (Secretaria de Estado de Saúde), os municípios atualizam os dados conforme a demanda e, por isso, em alguns casos o número real de cobertura só é divulgado após o fim da campanha.

Precisam receber a vacina crianças de seis meses a menores de cinco anos, pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores de saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e portadores de doenças crônicas não-transmissíveis ou com outras condições clínicas especiais.

Em Dourados, 20 mil ainda não tomaram vacina contra gripe
Em Dourados, 60% da população pertencente aos grupos de risco tomaram a vacina contra a gripe. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, 20 mil dourad...
Corumbá reúne 43% das 139 notificações de gripe em MS
A 419 quilômetros da Capital, Corumbá reúne 43,1% das 139 notificações de gripe em Mato Grosso do Sul, conforme boletim divulgado, nesta quinta-feira...


Fico indignada com isso também!. Porque será que só 50% da população tomou a vacina? Sendo que a campanha está sendo divulgada pelas mídias já faz algum tempo.AH! Os Presidiários têm o direito, eles não podem pegar gripinha snif! Professores têm o direito por lei e não estão aplicando nos postos (COITADOS) . Somos mal atendidas nos postos (isso que são concursadas. (Elas que tinham que dar o exemplo e fazer jus ao concurso). Fui ao posto hoje com laudo médico de hipertensão e não me deram. A vacina tinha que ser para quem quer tomar. Quem realmente precisa teria ido aos postos no primeiro dia e tomado. Não, somente 50% da população! e os outros 50% Cadê vocês meu POVO!! ACORDEM!

 
Raquel Silva em 15/05/2014 14:41:46
É ridicula a campanha de vacinação da gripe, o pessoal que tem direito a vacina não comparece e quem quer e precisa tomar não pode porque não faz parte da faixa etária, aí sobra vacina, vence e vai para incineração, ou seja, é mais dinheiro publico jogado fora, eu queria entender pra que vacinar presidiario? Os presidiarios hoje tem muito mais regalias do que o cidadão honesto, bandido não merece nada disso tem que viver de ração e colocar pra trabalhar no pesado, senão é vantagem que todos nós cometamos crimes e possamos desfrutar de comida, roupa lavada, internet, telefone e ainda vacina grátis, vamos todos roubar!!!!!
 
maximiliano rodrigo antonio nahas em 15/05/2014 12:56:52
Um absurdo... hoje tive que pagar R$ 85,00 para vacinar meu filho que tem 05 anos e 11 meses e nos postos está "FORA" de faixa etária... mas PRESIDIÁRIOS que fazem mal a sociedade tem direito a qualquer idade.... e o que mais indigna é que quem tem direito não vai vacinar... e o pior... as doses que "SOBRAM" são jogadas fora!!!! Porque não liberam para todos, para quem desejar??? BRASIL!!!!
 
wilson da silva braga em 15/05/2014 10:32:27
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions