A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 21 de Junho de 2018

21/07/2008 13:40

Vai a júri na quinta acusado de assassinato no Nova Lima

Redação

Vai a júri popular a partir das 8 horas desta quinta-feira (24) em Campo Grande, Sírio Antônio Gonçalves Valdez, acusado de matar a tiros Cleyton Mota Ferreira no dia 12 de fevereiro do ano passado no bairro Nova Lima. O julgamento será presidido pelo juiz Júlio Roberto Siqueira Cardoso, da 1ª Vara do Tribunal do Júri.

Conforme denúncia do MPE (Ministério Público Estadual), além de matar Clayton, Sírio ainda mandou o comparsa dele matar a esposa da vítima, que só não morreu porque o revólver não funcionou.

Cleyton e Sírio disputavam o comando da venda de entorpecentes na região. No dia do crime, Sírio e o adolescente foram até a casa de Cleyton e perguntaram se ele tinha pasta base de cocaína para vender.

Diante da negativa da vítima, Sírio perguntou se ele teria duas notas de R$ 10 para trocar por uma de R$ 20. Cleyton então virou-se para buscar a nota, e foi atingido no pescoço.

Ainda com vida ele tentou fugir, mas foi novamente atingido por tiros. Consta na sentença de pronúncia, que o adolescente deu o último tiro: no coração.

O assassinato aconteceu na frente dos três filhos da vítima e da mulher, que foi obrigada a ficar de joelhos para que o adolescente a matasse. O revólver calibre 38 não funcionou, sendo apreendido 10 dias depois com um menor irmão de Sírio, que havia pedido para que ele guardasse a arma.

Um outro irmão de Sírio havia sido assassinado dias antes. Uma série de mortes envolvendo familiares dele aconteceram naqueles dias.

Estados e municípios são os que mais contribuem para sustentar SUS
Entre 2002 e 2015, o governo federal foi a esfera de gestão que mais utilizou recursos do Sistema Único de Saúde (SUS), seguido pela esfera municipal...
Mega-Sena acumula de novo e pode pagar até R$ 38 milhões no sábado
O prêmio da Mega-Sena acumulou mais uma vez, depois do sorteio desta noite (20) e pode pagar até R$ 38 milhões, na próxima rodada. As sequências sort...
Ações sobre auxílio-moradia voltam ao STF depois de conciliação falhar
Diante da falta de conciliação com representantes de magistrados, a AGU (Advocacia-Geral da União) devolveu ao STF (Supremo Tribunal Federal) process...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions