A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

18/06/2010 09:30

Vizinho diz que comerciante dava pimenta para pit bull

Redação

Um morador vizinho ao comerciante Fernando Jorge Paes, 44 anos, morto pelo próprio cão, dentro de casa, conta que Fernando costumava usar uma receita caseira para que o animal ficasse feroz e cuidasse da casa.

O empresário Luiz Eduardo Muniz, de 22 anos, que mora próximo à casa de Fernando, no Taquarussu, diz que uma vez ele comentou que dava leite com pimenta para o pit bull e que também costumava amarrar o cachorro para que ele ficasse bravo e cuidasse da casa, constantemente invadida por ladrões de fios de cobre.

Luiz Eduardo diz que é criador da raça há seis anos e hoje tem um animal de um ano e que nunca teve problemas porque trata os animais "com carinho" e os leva para passear, para gastar energia. A esposa de Luiz Eduardo, Carolina Lima, afirma também que sempre teve cães de grande porte e também não teve problemas.

A criação da raça é polêmica, devido ao grande número de casos de ataques. No Senado tramita projeto de Valter Pereira (PMDB-MS) prevendo a castração de machos para evitar a proliferação da raça.

Ataque

ANS regulamenta novas regras de compartilhamento para planos de saúde
A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) publicou duas resoluções normativas na tentativa de dar mais segurança e estabilidade ao mercado de pla...
UFMS recebe inscrições para vários cursos no Vestibular 2018
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions