ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, SÁBADO  06    CAMPO GRANDE 20º

De olho na TV

Concorrência de telejornais locais qualifica editorias

Por Reinaldo Rosa | 30/01/2013 10:45

NOTÍCIA BOA - O Jornal do SBT local 1ª Edição vai conquistando público, de mansinho. Tendo o Povo na TV servindo de ‘gancho’, o informativo consegue importante –e salutar- progresso frente à concorrência com a TV Morena no horário.

DEPOIS DE ARROMBADA – Logo após os incêndios dos edifícios Andraus e Joelma, em São Paulo, no final dos anos setenta, transmitidos ao vivo pela televisão, várias providências foram tomadas para evitar tragédias iguais. Passada a comoção tudo voltou ao normal; com novos acontecimentos semelhantes.

REPLAY –O mesmo acontece agora, com o infausto acontecimento da madrugada de domingo passado, em Santa Maria-RS. De ingredientes novos, quatro prisões e anúncios de medidas de seguranças espalhadas no país por autoridades do setor. Até quando irá essa vigilância?

QUASE PARANDO–Aos poucos –e muito aos poucos- telespectadoras e telespectadores fazem reais avaliações das programações das redes de televisão do País. Aos domingos, especificamente, a audiência vem caindo em quase todas. A Band registrou progresso nos anos 2011 e 2012, graças ao Pânico; saiu de 1,3 em 2002 para 2,5 pontos em 2011 e média de três no ano passado.

QUEM MAIS PERDEU - Em 2002, a média dos domingos na Globo foi de 20,3 pontos. Em 2011, caiu para 14,6 pontos e, no ano passado atingiu 12,9 pontos. Aproximadamente 806 mil pessoas deixaram a emissora no período, conforme levantamento realizado pelo Ibope. Reflexos do ‘quem sabe faz ao vivo’, aquelas espiadinhas, etc.

À REMETENTE – Prezada Anne, esta coluna não é de crítica; é opinativa. ‘Tanta coisa boa nos outros canais’ é exercício de subjetividade. A ‘coisa boa’ que passa pelos canais de comunicação é obrigação de quem se propõe fazê-la. Programa do Ratinho, Eliana, Gugu, Rodrigo Faro, Faustão, Luciano Huck e Xuxa não oferecem nada capaz de colocar o ocupante deste espaço à frente da televisão. Só por dever de ofício. PS: espero que você passe mais vezes por aqui agora que matou a curiosidade. Saudações.

PREZADA PAULA - Este é um lugar (como você diz) onde o Campo Grande News abre espaço para debates e tendência de ideias. Pró e/ou contra tudo aquilo que está intrinsecamente ligado aos leitores. Aqui não são apontados defeitos; apenas observações que podem, ou não, serem aceitas. Colunismo social existe em outros canais. Abraços.