A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 24 de Maio de 2017


  • De olho na TV
  • De olho na TV

    com Reinaldo Rosa


14/07/2014 10:05

Depois da copa a cozinha

Reinaldo Rosa

EM RESUMO – Elson Pinheiro, na FM Capital, deu vez e voz sobre o que torcedores pensam sobre o futebol no país e, em especial, em Mato Grosso do Sul. Está nivelado por baixo; sem solução a prazo indefinido.

E AGORA – Calendário esportivo de 2014 pós Copa Fifa, volta à realidade. Volta também o hercúleo esforço da crônica esportiva sacudir interesse do torcedor pelo futebol. Em nível regional a tarefa é mais árdua.

ELE CONSEGUE – Apresentação de Ivete Sangalo na solenidade de encerramento da Copa 2014 poderia ter sido impecável. A ‘narração’ de Galvão Bueno sobre o que a cantora fazia em sua apresentação foi um chute no Sac –Serviço de Atentado ao Consumidor-. Não adianta; ele não se segura.

MAIOR NA DOSE – O fato de Ronaldo –outrora fenômeno- ter sido o maior artilheiro de todas as Copas serviu de gancho muito valorizado por Galvão em jogo da seleção. Ao ser ultrapassado pelo jogador Klose, da Alemanha, provocado por Ricardo Boechat com relação ao fato, o artilheiro respondeu que “estava ca... e andando” para esse ‘título’.

VC NA COLUNA - “O senhor está igual à TV Globo; só quer vitória mais (sic) mascaram o sistema do futebol brasileiro que está ultrapassado com CBF que não vê a lavagem de dinheiro em jogadores que nem profissionais não são (sic) e já valem muito com multas incalculáveis. Para uma criança que lê o seu artigo não acredita que o sr aplaudiu até o nosso Penta e isso não pode ser jogado no lixo pela mídia. As escolas não têm mais a educação física; o campinho de futebol deu lugar aos prédios e isso é só o começo. Esses alemães choraram aos nossos pés em 2002. Esqueceu disso? Sou da opinião que todos nós devemos começar de novo e isso começa nas olimpíadas que ainda não temos pois campeão de futebol já somos. Ou ficamos ai cobrando sem mudar o sistema vais ser a mesma coisa daqui a 4 + 4 +4”. (Luiz Carlos Santos Messias)

R DO R – O espaço ‘você na coluna’ é aberto para manifestações de leitores da coluna. A transcrição não é necessariamente endossada pelo titular da coluna. É democrática forma de todos se valerem da real comunicação social.

CANAIS FECHADOS - Enfrentando dificuldades financeiras e expulsa pela Universal de praticamente todos os horários da TV aberta brasileira, a Igreja Mundial do Poder de Deus tenta se manter em evidência na TV por assinatura. A crise após reportagens denunciando Valdemiro Santiago por enriquecimento ilícito e desvio de dinheiro de fiéis para compra de imóveis e outros bens particulares. A Band ainda estaria acionando o religioso judicialmente para receber cerca de R$ 20 milhões que a Mundial lhe deve desde antes do rompimento de contrato, segundo Ricardo Feltrin, na Uol.

Rádio esbanja potência, mas com público restrito
O ELO – No Brasil todo está disseminada a prática de terceirização de espaços na comunicação falada. Cronistas do rádio esportivo ficam à mercê do bo...
O bagunçado e voraz mercado local das rádios
SENHORES PASSAGEIROS – Nivaldo Mota, João Flores, Miltinho Viana e Marcelo Nunes têm algo em comum. Foram revelados para o rádio de MS originários do...
Sem novas ideias, rádio de MS definha
SINTONIA GROSSA – Tratado como penduricalho de informações oficiais, o rádio de Mato Grosso do Sul definha por não renovar estratégias comerciais de ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions