ACOMPANHE-NOS    
JULHO, QUARTA  15    CAMPO GRANDE 30º

De olho na TV

Desafios para a Série D e as deficiência do futebol local

Por Reinaldo Rosa | 27/04/2019 10:30

RETRATO BRANCO E PRETO – O Operário F. C. apresentou elenco e corpo técnico para a fase do campeonato nacional Série D nesta quinta-feira. A mistureba de jogadores que até recentemente defendiam equipes da Capital mostra como o futebol local é carente de melhor estruturação. Louve-se o hercúleo esforço de dirigentes dos clubes.

PASSA NO CAIXA – Enfrentar um campeonato regional, com transmissão ao vivo pela TV e receber R$ 15 mil por quota de participação é acenar ao fracasso ou estagnação.

RETROSPECTIVA – Ciro de Oliveira dá retoques finais para edição de comemoração de 24 anos no ar do seu “Encontro de Gerações”, neste domingo. O radialista informa que os melhores momentos do programa no período vai surpreender os ouvintes da atração da 104 FM.

BIRUTA – No “Giro de Noticias”, da Rádio Hora, expoente da justiça sul-mato-grossense confirmou continuar almejando algum cargo no futuro. Gostou da trajetória de mudança de função e confessou que “pegou gosto pela coisa”.

ABOBRINHAS RADIOFÔNICAS – A circunspecção de jornalismo pode ser quebrada com doses de humor –ou espaço para–; tática consagrada por José Simão na Band News (SP). Essa interatividade com o ouvinte chegou ao rádio de Campo Grande, com a participação de João Madureira no “Tribuna Livre”, da Capital FM.

QUE PAÍS É ESSE – Sucessos do inesquecível Renato Russo em parceria com Dado Villa Lobos e Marcelo Bonfá estarão presentes em noite memorável no “Dia dos Namorados”, em Campo Grande, no Bosque Expo. Produção de requinte que percorre o país com ótima repercussão. Imperdível. Informações: 9 9921 0099.

CONTROLE NADA REMOTO – Interpretação pessoal foi causa de censura ao VT do Banco do Brasil que evoca a diversidade jovem nacional, público alvo da mensagem. Comentários reprovando a medida provocaram revisão da medida do Planalto.

AVENTURAS DE GLOBAIS – Duas pontas do cotidiano: esgota o conteúdo e/ou entusiasma para novas aventuras. Por falta de previsão de data para a segunda temporada do “Tá Brincando”, o mato-grossense apresentador Otaviano Costa achou por bem não renovar seu contrato com a rede Globo. Simples assim.

OUTRO LADO – A estranha forma de poder da Rede Globo é questionável; informa a “falta de previsão de retorno ao ar” e, ainda, acena com redução salarial. Com tal passada de mão na cabeça, Otaviano Costa optou por sair do radar da emissora.