ACOMPANHE-NOS    
JULHO, QUINTA  02    CAMPO GRANDE 15º

De olho na TV

Faltou apoio privado a festival em Corumbá

Por Reinaldo Rosa | 30/10/2017 15:55

DANDO SE RECEBE - ‘Lei Rouanet’ é dispositivo legal que habilita pessoas a sair com pires na mão à cata de alguns trocados junto ao empresariado prefeito de Corumbá, Ruiter Cunha, alega que o comércio não colaborou e o Festival América do Sul foi rifado. Simples assim.

NÃO OFENDE – Ao longo de 14 edições –marcadas de sucesso- não houve dotação orçamentária para a Secretaria Estadual de Cultura para este ano? Informativos televisivos e radiofônicos não deram holofotes a pauta tão importante.

ORDEM UNIDA - “Uma grande pena! O Festival de Bonito corre risco se não houver planejamento e ajustes à realidade”! Moacir Lacerda.

ORDEM UNIDA II - “Pra que apresentar lista de artistas selecionados e, dias depois, cancelar? O de 2017 foi cancelado . Em maio, vai ser o de 2018 . Ou você acha que vão ter dois Festival América do Sul ano que vem”? Guilherme Rondon

VÁ COM ELE – Como, ninguém da área de marketing politico jamais havia pensado em frase tão criativa? “Venha comigo” para fechar a fala de candidato que se apresenta como novo e ético? Dedo em riste (um dos mais elementares erros de direção da fala de concorrente na TV). Observação de jornalista e experiente criador de campanhas eleitorais.

ONDE ANDA - Sem ‘Programa Feliz da Vida’, com Glaura Villalba, a TV Interativa segura audiência com transmissão completa de programas de esporte, da Band (SP). Curto tempo dedicado ao ‘TVi Notícias’ acena que vem novidades regionais em breve.

COMO ESTÁ – Falando nisso, emissora não comenta sobre curiosidade de órgão público estadual que insiste em saber da real posição de famoso deputado na sua administração.

CAMPANHA JÁ COMEÇOU – Jornal impresso da capital escancarou as portas para extensão das atividades parlamentares –e eleitorais- do deputado Maurício Picarelli. Presente em programa diário de TV do jornal, o apresentador leva sua esposa Magali a bordo. Bem-vindos sejam os votos; venha de onde -e como- vier.

NO VÁCUO – Pelas beiradas o ‘Jornal UCDB’, na FM UCDB, segue ganhando espaço junto aos loucos por notícias. Mais notícias em sua editoria e espaço restrito aos ‘manda um beijo pra mim e minha esposa’ -e outras formas de enchimento de linguiça- aumentam a audiência.