A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 23 de Fevereiro de 2019


  • De olho na TV
  • De olho na TV

    com Reinaldo Rosa


06/02/2019 17:14

Mãos amarradas na transmissão do futebol

Reinaldo Rosa

SE A GENTE SOUBESSE – Ao monopolizar as transmissões do futebol nacional, a parceria –digamos assim - com a CBF fez a Globo escrava de si mesma. Conta-se nos dedos os estados que, de fato, proporcionam considerável Ibope à emissora.

ONDE – São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Estados do nordeste marcam os melhores resultados do futebol ao vivo na Rede Globo. Em Mato Grosso do Sul a TV Morena colabora com o pico de audiência da concorrência.

MACACO NA CRISTALERIA – Rádio corredor informa que dirigentes da retransmissora global em Campo Grande “estão de mãos amarradas e não podem mudar regras da matriz carioca”. Apenas pessoas, fora dos quadros da emissora, têm interesse na manutenção das severas cláusulas contratuais dos direitos adquiridos pela Globo.

FALANDO NISSO – Hoje tem São Paulo x Talleres, da Argentina, retransmissão pela TV Morena, às 20:30 horas, pela segunda fase da Libertadores. Conmebol e Rede Globo brigavam até ontem pelo direito de transmissão.

NO BOLSO – Dois mil e quinhentos torcedores no estádio com transmissão ao vivo pela TV Morena mostram o deprimente atual estado do futebol regional. Mídias de agências de publicidade não têm dúvidas no momento de excluir a atração da grade a ser veiculada.

QUANTIDADE E QUALIDADE – Anúncio de produto em programa popularesco de Campo Grande –campeão de audiência no horário- resultou em considerável número de consultas ao anunciante. “Nenhuma venda concretizada”, queixou-se. Erro estratégico: o artigo era para as classes A e B. Simples assim.

VC NA COLUNA - O músico Gilson Espíndola gravará DVD dos 40 anos de música. No trabalho, composição do jornalista Alex Fraga em parceria com Paulo Ge. O lançamento ainda não tem data marcada.

BREGA E CHIC – Radialista Joel Silva tem mais um compromisso com os ouvintes; está na 104 FM com musical para septuagenários. Músicas brega –do tempo das casas de luzes vermelhas- podem ser sintonizada, entre 15 e 16 horas. Segue muita informação sobre intérpretes.

NADA SE CRIA – Velho Guerreiro Chacrinha falou e disse. Comunicação televisiva brasileira sofre de falta de criatividade. Formatos importados tomam conta do pedaço e talentosos produtores nacionais são colocados no escanteio. Falando nisso, vem mais um na Record, sob comando de Xuxa.

No estádio, só 70, apesar de todas as tentativas
LIBERDADE VIGIADA – Jogo entre Novo e Operário A.C. foi acompanhado por setenta pessoas. Resumo da administração de clubes, Federação, apoio oficial ...
Troca troca no jornalismo das rádios
DANÇA DE CADEIRAS – Com a saída de Paulo Yafuso do ‘Jornal das Sete’, da UCDB FM, Michael Franco deixou o ‘Café das Seis’, da Globo FM-Campo Grande p...
Rádio pode ressuscitar em Dourados
EXCLUSIVA – “Em fim de mandato como presidente da Associação Comercial e Industrial de Dourados, a radialista Elizabeth Salomão recarrega baterias pa...
No embalo do colunismo social
PEROLAS – Correspondente de emissora de rádio, prestigiou ouvintes com o muito que aprendeu nos bancos universitários. Ao cobrir Encontro da Associaç...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions