A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 27 de Março de 2017


  • De olho na TV
  • De olho na TV

    com Reinaldo Rosa


11/04/2016 10:32

O intrincado lugar da mulher na comunicação

Reinaldo Rosa
Thiago Lacerda, escalado para interpretar Tiradentes em novela (Foto: Reprodução)Thiago Lacerda, escalado para interpretar Tiradentes em novela (Foto: Reprodução)

AOS POUCOS - Parece que direitos voltados à mulher só acontecem à base de decretos: direito de votar; quota partidária para ser votada; andar sem burca, etc. Manifestar opinião e voluntarismo fica engasgado em gargantas de setores da machista mídia nacional.

POR AQUI - Em Mato Grosso do Sul, jornalista que apresentou – e editou – iniciativas com diferenciais, chamou a atenção do chefe que, lhe cortou as asinhas com sumária demissão. Simples assim. Sucesso da profissional e interesses pessoais de editor é dinamite pura.

AQUI NÃO – Em São Paulo, Barbara Gancia perdeu o emprego por se recusar obedecer a determinação da Band. “Fui demitida da Band porque me recusei a pegar leve com Eduardo Cunha”, analisou. A razão da blindagem prende-se ao fato do encrencado parlamentar ser primo de João Saad, big boss da rede paulista de televisão.

SIGA A ROTA - A jornalista Silvia Poppovic foi dispensada pela Rádio Jovem Pan na terça-feira, logo após o término do ‘Jornal da Manhã’. O cargo de âncora não lhe garantiu permanência na emissora por ousar contrapor e ponderar o radicalismo de Joseval Peixoto e Marco Antonio Villa, contumazes porta-vozes do impeachment de Dilma Rousseff.

NO VÁCUO - Cristhiane Pelajo, agora na Globo News, é obrigada a obedecer ao script imposto pelo departamento de jornalismo da rede. Discordâncias com o comportamento de Willian Wack, no ‘Jornal da Globo’ lhe valeram ‘punição leve’ de transferência para canal de menor visibilidade popular.

MAIS UM – Abrindo mão do surrado vício de que jornal radiofônico só vigora nas primeiras horas do dia, a Rádio Cultura FM, de Paranaíba aposta da inovação. Na semana passada a emissora abriu espaço para mais um informativo; é o ‘Jornal do Povo’, de 11 a 12 horas, com participação de Nino de Assis, Leonardo Guimarães e Roberto Chamorro.

CANAIS DE SERVIÇOS – ‘Rádio Jovem Pam’, de São Paulo, Rede Globo e jornal ‘Estadão’, são alguns dos veículos de comunicação abertos ao diálogo; com possíveis futuros sucessores do atual governo. Boquinhas já estão abertas e, que se danem preferencias contrárias às suas editorias.

FAÇA O QUE EU DIGO - “Golpe quem deu foi a senhora (Dilma)”. Fala de Ary Fontoura, sob aplausos, no ‘Faustão’, neste domingo. O ator utiliza-se da ‘Lei Rouanet’, do governo Dilma, há anos. Procure entender.

1º ANO ESCOLAR – Legenda sob a foto de ator, em jornal impresso, da Capital: “Thiago Lacerda será José da Silva Xavier, o Tiradentes”. Leitores agradecem o esclarecedor complemento.

Radiojornalismo parado no tempo e no espaço
VERDADE DE CADA UM – Radiojornalismo de Campo Grande parou no tempo e espaço; grade criada – há tempos por alguns – não abandona a rotina. Loucos por...
Mudança da faixa AM para FM agita mercado radiofônico
MUNDO PEQUENO – Com o ‘estreitamento do mundo’ pela internet, sucessores de rádio de Campo Grande dirigem a emissora a partir de cidade americana. Mo...
MS no Rádio ajuda emissoras na cobertura oficial
NAS ONDAS DO RÁDIO – O projeto ‘MS no Rádio’ – com estúdio sediado na Secom (Subsecretaria de Comunicação) – divulga ações e serviços do Governo do E...
Diploma não supera talento do pessoal 'das antigas'
VEJA BEM – Maioria esmagadora dos comunicadores do Brasil surgiu em consequência do puro – e reconhecido – talento de quem se atirava na comunicação....



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions